A estratégia de Hellmann’s na criação de 1ª hamburgueria da marca

Buscar

A estratégia de Hellmann’s na criação de 1ª hamburgueria da marca

Buscar
Publicidade

Marketing

A estratégia de Hellmann’s na criação de 1ª hamburgueria da marca

Com nove opções no menu, empresa começou a operar no ramo de restaurantes na zona sul de São Paulo

Fill out the form below to send a message:


29 de julho de 2022 - 16h59

A Hellmann’s anunciou há alguns dias a criação de um novo ponto de contato com os clientes. Com a ideia de estabelecer outro tipo de relação com os consumidores, a marca de maionese e molhos criou a primeira hamburgueria de sua história, com operação inteiramente digital, por iFood e Rappi, na região do Itaim Bibi, na zona sul de São Paulo.

 

Hamburgueria Hellmann’s tem nove opções no cardápio (Crédito: Divulgação)

No total, o cardápio é composto por nove opções de hamburgueres e sanduíches, com sete de carne bovina, uma de frango e uma vegana, além de molhos artesanais inéditos.

O vice-presidente da empresa no Brasil, Rodrigo Visentini, diz que a escolha do segmento de atuação foi baseada em dados levantados por meio do aplicativo Ifood no ano passado, em que o hambúrguer é apontado com a primeira opção do brasileiro.

VP no Brasil, Rodrigo Visentini, diz que experiência pode ser usada como modelo em outros países (Crédito: Divulgação)

“Enxergarmos nesse insight a oportunidade perfeita para inovarmos em formato e trazer os nossos consumidores para o centro da nossa estratégia, com um novo ponto de contato que permite um feedback rápido e possibilita o estreitamento dessa conexão”, explica o executivo.

Ao deixar de ser uma marca puramente de varejo, Hellmann’s espera com o atendimento direto construir um relacionamento de escuta para a criação de novas estratégias de comunicação. “Com este formato, temos a oportunidade de conhecer e analisar de perto as preferências e percepções dos consumidores sobre os produtos, garantindo um portfólio de qualidade que atenda às necessidades e desejos”, ressalta.

“É a primeira vez que uma marca de retail no nosso segmento se apropria de 100% do conceito de um negócio de refeição, ao contrário de muitas marcas que apoiam restaurantes consolidados, lançando um produto dentro de um prato, por exemplo. No nosso caso, pensamos em todo o conceito, desde o menu e o nome dos lanches até as embalagens”, complementa.

Visentini acrescenta que a escolha do Brasil como o país a receber a primeira hamburgueria se deu pela relevância da marca no mercado local. “Hellmann’s é a maior marca de alimentos da Unilever Brasil e a 3ª maior operação do mundo. Faz todo sentido iniciar essa agenda de inovação aqui e, com certeza, a experiência pode ser utilizada como benchmarking para outros países”, diz. Questionado sobre a ampliação do atendimento dentro da capital paulista ou em outras cidades, o vice-presidente não quis dar detalhes, mas falou que a empresa está atenta “a todas as oportunidades”.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • O Boticário cria marca de perfumaria para a casa

    O Boticário cria marca de perfumaria para a casa

    Com o nome de Casa 214, divisão terá produtos de perfumaria para os ambientes do lar; campanha começa a ser apresentada ao público

  • Explosão de dengue impacta estratégias de marcas de repelentes

    Explosão de dengue impacta estratégias de marcas de repelentes

    Repelex, SBP e Xô Inseto são exemplos de marcas que traçaram novas estratégias de marketing em meio à epidemia da doença