A estratégia do Carrefour no retorno ao Big Brother Brasil

Buscar

A estratégia do Carrefour no retorno ao Big Brother Brasil

Buscar
Publicidade

Marketing

A estratégia do Carrefour no retorno ao Big Brother Brasil

Diretor de marca e customer insights do Grupo no Brasil revela motivos que levaram a marca a retornar ao reality após nove anos


11 de novembro de 2022 - 6h05

O Carrefour retorna ao Big Brother Brasil após nove anos. A companhia foi a primeira cotista da área de mercado do reality, em 2011, permanecendo até 2014. O grupo adquiriu a cota de mercado da edição de 2023, cujo preço de tabela é de R$ 29,5 milhões.

 

No lugar de Americanas, Carrefour será o mercado do BBB na próxima edição

No lugar de Americanas, Carrefour será o mercado do BBB na próxima edição (crédito: Reprodução/Gshow)

Desde 2020, a marca responsável pelo mercado na casa era a Americanas, que segue como patrocinadora do reality no ano que vem. Entretanto, agora a companhia está na posição de um dos cotistas principais, da categoria Big, cujo preço de tabela é de R$ 105,1 milhões.

O diretor de marca e customer insights do Grupo Carrefour Brasil, Daniel Milagres, explica que a volta da rede ao programa tem a ver com o momento atual do Carrefour. Em sua primeira participação no BBB, o Carrefour ainda era 100% focado nas operações de hipermercado no Brasil e, de lá para cá o grupo se transformou, inclusive, comprando o Grupo Big Brasil. “Vamos falar muito de digitalização nesse novo momento junto do programa”, salienta.

Levando e-commerce para o BBB 23

Na sua primeira experiência como cotista do reality, o Carrefour levou uma dinâmica de compra física para os participantes, no gramado da casa. Nesta nova fase, o grupo quer levar a sua experiência de e-commerce para os brothers do BBB 23. “Não vai ser um mercado físico, mas online”, revela o diretor, Daniel Milagres.

Uma das funcionalidades que serão trabalhadas no Big Brother Brasil é a in-store picking, um novo sistema recém implementado em 100% das lojas físicas do Carrefour no País, que permite que uma pessoa faça uma compra através do site ou app do hipermercado e adquira o produto em até duas horas.

Essa rápida velocidade de entrega é garantida, segundo a empresa, porque em vez de o cliente receber o produto de um centro de distribuição, ele o recebe da loja mais próxima de sua residência. “Por outro lado, quando olhamos o impacto socioambiental disso, não há mais um caminhão que sai de uma cidade vizinha, atravessa tudo para chegar na casa do cliente”, salienta Milagres.

Outro ponto que o Carrefour que destacar em sua atuação no programa da Globo é o delivery, que, segundo o diretor de marca e customer insights, cresceu bastante na pandemia, mas que muitas pessoas ainda não conhecem e utilizam.

O terceiro tema que será bastante trabalhado pelo Carrefour na edição de 2023 do BBB é o combate ao desperdício. O Grupo Carrefour tem o posicionamento global “Act For Food”, que diz que a missão da companhia é levar comida de qualidade de maneira democrática para as pessoas. “Assumimos um compromisso que é do começo ao fim da cadeia produtiva, desde da nossa escolha de fornecedores socioambientalmente responsáveis, até a hora que chega à mesa do cliente”, enfatiza Milagres.

Participação nas conversas além da casa

O Carrefour também pretende participar das conversas que transcendem o ambiente da casa. “Não restringimos ao ambiente da casa, vamos fazer muitas ações onde o telespectador também possa aproveitar, também possa ter esse conhecimento, até reforçando o nosso posicionamento”, pontua o diretor.

A Publicis, agência do Carrefour, será a responsável por ajudar o grupo a administrar essa interação com o público nas redes sociais. O diretor revela que o próprio grupo conta com uma estrutura própria de listening, que também apoiará a força tarefa para que o Carrefour entre da maneira correta e coerente nas conversas.

Polêmicas envolvendo o Carrefour

Por falar em participar das conversas, um dos pontos que pode ser mais desafiador para o grupo será lidar com as críticas do público em relação às crises nas quais o Carrefour se envolveu nos últimos anos, como os casos de racismo, violações trabalhistas e agressões contra animais e seres humanos que, inclusive, culminaram em mortes.

Em primeiro lugar, Daniel Milagres, diretor de marca e customer insights do Grupo no Brasil, ressalta que o grupo nunca irá esquecer o que aconteceu. Esses episódios, segundo ele, fizeram com que o grupo assumisse uma série de compromissos com a sociedade, como o programa de aceleração de carreira voltado exclusivamente para profissionais negros, o chamado “Talentos do Futuro”, e as mais de 600 bolsas de capacitação que a empresa ofereceu também, exclusivamente, para pessoas negras.

Segundo ele, a ideia do Carrefour no Big Brother Brasil é justamente abrir um diálogo com o público. “É agir dessa maneira, transparente, de aprendizado mútuo, de humildade, acima de tudo. Entramos nessas conversas para nos retroalimentar de aprendizado e de alguma forma ajudar a transformar a sociedade, é dessa forma que estamos indo para essas conversas no BBB”, ressalta.

Expectativas com o BBB

Por fim, Milagres destaca que as expectativas do grupo neste retorno ao programa são altas. “Temos uma expectativa de aumento de exposição e conhecimento do serviço de vendas online do Carrefour, especialmente para alimentos, e gerar um awareness importante para essas praças em que não atuamos hoje. Acreditamos que o BBB vai ajudar a impulsionar muito esse tipo de serviço aqui no Carrefour”, finaliza.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Coca-Cola e Marvel: collab apresenta embalagens dedicada aos fãs

    Coca-Cola e Marvel: collab apresenta embalagens dedicada aos fãs

    Com 36 ilustrações diferentes de personagens nas latas de refrigerante, os consumidores poderão ter a experiência de realidade aumentada

  • Menos da metade da geração Z consome bebidas alcoólicas

    Menos da metade da geração Z consome bebidas alcoólicas

    Estudo da MindMiners revelou que a tendência de mudança de comportamento está relacionada a fatores como falta de interesse e sabor das bebidas