Com Sex Education, Cimed ingressa na categoria de bem-estar sexual

Buscar

Com Sex Education, Cimed ingressa na categoria de bem-estar sexual

Buscar
Publicidade

Marketing

Com Sex Education, Cimed ingressa na categoria de bem-estar sexual

Em parceria com série da Netflix, marca apresenta licenciados que vão de lubrificantes a sex toys

Preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem:


21 de setembro de 2023 - 8h00

Nesta quinta-feira, 21, a Netflix disponibiliza os seus assinantes a temporada final de Sex Education. Além de aguardada pelos fãs da história, a obra também marca o ingresso da Cimed na categoria de bem-estar sexual.

Cimed Sex Education

(Crédito: Divulgação)

Por conta de uma parceria firmada com a plataforma de streaming, a marca de medicamentos e produtos de saúde desenvolveu uma linha de produtos licenciados que vão de lubrificantes a sex toys, passando por preservativos.

A nova linha K-Med Sex Education demandou um investimento de R$ 2 milhões por parte da marca e um longo tempo de trabalho, que envolveu diversas frentes de atuação e o objetivo de se posicionar em um território ainda inédito nas farmácias, de acordo com João Adibe Marques, presidente da Cimed.

“O tema da saúde íntima já fazia parte do dia a dia da empresa”, destaca o executivo, em referência à marca de lubrificantes K-Med, fabricada pela companhia, e que detém 60% de share no segmento de lubrificantes íntimos, segundo o executivo.

“A partir do momento em que temos esse alto market share, já passamos a fazer parte dessa jornada. A categoria de bem-estar sexual ainda é totalmente digital e, a partir de agora, temos o desafio de implementar esse canal no varejo das farmácias do País, com camisinhas e toys, como uma extensão da família K-Med”, explica o presidente.

Cimed e a categoria de bem-estar sexual K-Med Sex Education

Cimed Sex Education

Presidente da Cimed, João Adibe Marques, com os produtos da linha K-Med Sex Education (Crédito: Divulgação)

A oportunidade de se unir à Netflix para impulsionar essa empreitada é importante para abrir um canal mais amplo para que os produtos conheçam as novas linhas de produtos. “Sex Education tem tudo a ver com o que querermos falar a respeito de bem-estar sexual. Porque não aproveitar essa parceria”, questiona.

Para que as farmácias do País comecem a exibir nas prateleiras os brinquedos sexuais e preservativos da linha K-Med Sex Education, a marca fez um trabalho de comunicação em três frentes.

Adibe Marques explica que a companhia dedicou tempo para transmitir os conceitos e proposta da linha, inicialmente, ao time interno de vendedores. Depois, o público-alvo foram as redes de farmácias, compradoras dos itens e, posteriormente, os atendentes das lojas, que terão a missão de dar dicas e apresentar os produtos ao público consumidor.

“Queremos criar um espaço na prateleira das farmácias para essa linha. Os preservativos, geralmente, ficavam em uma área mais masculina, bem como os lubrificantes. Agora, queremos reposicionar esses produtos de forma diferente, como algo para o bem-estar de todos os públicos”, comenta.

Por enquanto, a linha conta com cerca de dez diferentes itens, que devem ser incrementados conforme a Cimed analisa o comportamento do público. A expectativa da Cimed é conseguir faturar R$ 25 milhões com a linha até o final de 2023.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Árvore de Natal do Ibirapuera será roxa e patrocinada pelo Nubank

    Árvore de Natal do Ibirapuera será roxa e patrocinada pelo Nubank

    Como extensão da parceria com o Parque, banco irá patrocinar uma série de ativações natalinas a partir de sábado, 2

  • Mastercard: estratégias para materializar momentos e experiências

    Mastercard: estratégias para materializar momentos e experiências

    Leandro Simões, diretor de consumer marketing, explica como os investimentos em patrocínios a esportes, games e música dialogam com os negócios da companhia