Um clube Fatal: como naming rights quer mudar o nome do Vitória

Buscar

Um clube Fatal: como naming rights quer mudar o nome do Vitória

Buscar
Publicidade

Marketing

Um clube Fatal: como naming rights quer mudar o nome do Vitória

Clube anunciou em suas redes sociais uma votação para os torcedores definirem o futuro da parceria com o site de acompanhantes


1 de dezembro de 2023 - 12h08

Fatal Model é patrocinador do Vitória desde fevereiro desse ano (Crédito: Victor Ferreira/ECVitória)

Fatal Model é patrocinador do Vitória desde fevereiro desse ano (Crédito: Victor Ferreira/ECVitória)

A Fatal Model divulgou uma proposta para adquirir os naming rights do Esporte Clube Vitória, que passaria a se chamar Fatal Model Vitória. O próprio clube usou as redes sociais para apresentar a proposta aos seus torcedores nesta sexta-feira, 1.

A oferta consiste em um investimento de R$ 200 milhões, por um período de 10 anos, o que equivale a R$ 1,7 milhão por mês. A proposta pode, ainda, viabilizar outro patrocínio atual ou futuro ao clube. Por esse acordo, contudo, elementos como o escudo, as cores e os uniformes não sofreriam alterações.

Porém, para consolidar esse acordo, o clube decidiu consultar os torcedores e sócios. Deixando claro que o acordo de naming rights não implica na compra do clube, o Vitória fez um post incentivando que os fãs participem da votação.

“Queremos jogar juntos e nos tornarmos o FATAL MODEL VITÓRIA a partir de um formato inédito e disruptivo de patrocínio no futebol brasileiro, no qual a aquisição desses Naming Rights NÃO implica na compra do clube, muito menos na troca de cores, uniformes e escudo do Leão.

Nossa parceria sempre foi pautada no diálogo e no respeito. Por isso, queremos te ouvir, torcedor. Afinal, vocês são o maior patrimônio do clube e as negociações só serão iniciadas com um aval positivo da torcida. Vamos juntos criar um EC Vitória cada vez mais forte?”, diz o clube.

Como será a decisão?

Desse modo uma enquete será disponibilizada na plataforma “Sou Mais Vitória” entre os dias 1 e 10 de dezembro. Além disso, uma petição online também será aberta ao público geral, para que os torcedores que não sejam sócios possam participar da decisão.

Caso os torcedores não aceitem a oferta, o Fatal Model seguirá com o clube de outras formas. O post do clube está gerando vários comentários e polêmicas no X (antigo Twitter).

Já existe uma segunda proposta realizada pelo site de acompanhantes ao clube. Essa se refere aos naming rights do Estádio Manoel Barradas, o Barradão, e corresponde a um investimento de R$ 100 milhões. Com isso, a arena passaria a se chamar Arena Fatal Model Barradão.

Parceria entre Fatal Model e Vitória

O Fatal Model é patrocinador do Vitória desde fevereiro desse ano. A empresa acompanhou o clube na jornada da conquista do título da Série B e acesso a Série A do Brasileirão. Assim, a empresa é a maior patrocinadora do clube, atualmente.

Essa parceria permite que a Fatal Model realize ações junto aos torcedores, como a realizada em setembro deste ano, em que o patrocinador distribuiu camisas do clube para os fãs. Além disso, a empresa disponibilizou cupons de 90% para sócios na assinatura da plataforma e ainda o sorteio de um carro 0km.

Quem é a Fatal Model?

A Fatal Model é uma plataforma de anúncios para acompanhantes. Atuante desde 2016, a empresa utiliza tecnologia para auxiliar profissionais da área, além de prezar pela segurança de anunciantes e clientes, segundo sua descrição no site oficial.

Atualmente a empresa conta com 100 milhões de usuários e 275 milhões de acessos. A plataforma começou a investir em futebol neste ano. Além da parceria com o Vitória, a marca está presente nas placas de publicidade de estádios como a Neo Química Arena e apoia mais sete clubes brasileiros.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Vinicius Jr. se torna embaixador global da Clear

    Vinicius Jr. se torna embaixador global da Clear

    Ao lado de Haaland, jogador da seleção passa a integrar time de embaixadores e estratégia voltada ao Brasil

  • PL 1904/24: as marcas devem se posicionar sobre o assunto?

    PL 1904/24: as marcas devem se posicionar sobre o assunto?

    Proposta que visa equiparar a pena de aborto à de homicídio gera mobilização e discussões a respeito do envolvimento do setor privado na questão