Medialand e RedeTV: a briga continua

Buscar
Publicidade

Mídia

Medialand e RedeTV: a briga continua

Emissora diz que conseguiu parecer para continuar exibindo as reprises de Operação de Risco; produtora já firmou um novo contrato com a Record


21 de junho de 2011 - 3h05

O programa Operação de Risco continua gerando um embate entre a RedeTV e a Medialand, produtora responsável pela criação do formato. Após ter sido impedida de exibir as temporadas anteriores da atração sob a alegação de falta de pagamento, a RedeTV anunciou nessa segunda-feira, 20 de junho, que conseguiu barrar a liminar da produtora, ganhando o direito de exibir o programa, que narra as operações da polícia em diferentes regiões da cidade de São Paulo.

Na semana passada, a Medialand entrou com uma liminar na justiça para impedir a RedeTV de exibir as reprises da primeira, segunda e terceira temporadas da atração. De acordo com a produtora, o pagamento pelos capítulos da série já não vinha sendo feito há muito tempo e a emissora não havia dado sinais de querer resolver a pendência por meio de qualquer outra forma de negociação (leia sobre o assunto aqui).

Apesar de ter divulgado à imprensa que conseguiu barrar a liminar da Medialand, a RedeTV não exibiu o programa Operação de Risco na noite dessa segunda-feira, 20, como vinha fazendo nas últimas semanas – mesmo após a concessão da liminar da Medialand. De acordo com o apurado pela reportagem de Meio & Mensagem, a emissora decidiu fazer um experimento para ver de que maneira a audiência se comportaria sem o documentário em sua grade. Com a ausência de Operação de Risco, a RedeTV ficou com o quinto lugar no ibope.

Liminar

Na Medialand, a notícia da vitória judicial da RedeTV foi recebida com ressalvas. Segundo a reportagem apurou, além de não ter recebido nenhuma notificação do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, a produtora estranhou o fato de a RedeTV não ter exibido a atração, uma vez que havia conseguido o respaldo legal para isso.

“Estamos acompanhando esse caso diariamente e, tanto nessa segunda-feira (dia 20) como nessa terça-feira (dia 21) checamos esse fato junto ao Tribunal e não localizamos nenhum recurso pedido de suspensão de liminar enviado pela RedeTV”, afirma Sérgio Dantino, advogado responsável pelo processo por parte da Medialand. Segundo ele, a produtora continua aguardando algum parecer judicial para saber que postura tomar. 

Brigas à parte, o programa Operação de Risco já tem uma casa nova. A partir de agosto, a atração policial será exibida na grade da Record, como um quadro do programa semanal Domingo Espetacular. O nome da série, no entanto, deverá mudar, uma vez que os direitos da nomenclatura Operação de Risco são da RedeTV (o formato original da Medialand chama-se Operação Policial).
 

wraps

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Placar e Centauro se unem para transmissão da Copa América

    Placar e Centauro se unem para transmissão da Copa América

    Com imagens, empresas levarão sinal para plataformas, além de contar com influenciadores para amplificar o conteúdo

  • Qual é a importância das métricas de atenção?

    Qual é a importância das métricas de atenção?

    Pesquisa da DoubleVerify revela que metade dos compradores de mídia na América Latina planejam integrar métricas de atenção em suas estratégias