Grupo Havas funde operações da BETC e HavasPlus

Buscar

Comunicação

Publicidade

Grupo Havas funde operações da BETC e HavasPlus

Operação mantém o nome de BETC Havas e terá Erh Ray como CEO e CCO; Marcos Lacerda e Daniel Jotta serão chief business officer (CBO)

Bárbara Sacchitiello
2 de março de 2021 - 17h32

Erh Ray será CEO e CCO da BETC/Havas (Crédito: Divulgação)

O Grupo Havas irá fundir suas duas operações de agências full service no Brasil: a BETC/Havas e a HavasPlus. A operação resultante, que mantém o nome de BETC Havas, será comandada por Erh Ray, CEO e fundador da BETC. O executivo também assumirá o cargo de chief creative officer (CCO).

“Esse era um projeto desenhado há muitos anos e que fomos amadurecendo ao longo do tempo. Inclusive, foi por conta dele que fizemos a movimentação de criar a HavasPlus para já fortalecer a marca do grupo no Brasil”, explica o CEO. A marca HavasPlus foi adotada em outubro de 2019 para substituir o nome Z+.

A fusão acontece em um momento em que as duas operações vivenciam fases prósperas, na visão de Erh. “As duas agências estão em momentos muito bons e queremos, agora, extrapolar as possibilidades de negócios dessas duas empresas, unindo uma operação que sempre foi forte em mídia e em estratégia, como é a HavasPlus, com a BETC que já consolidou um histórico de boa reputação criativa”, analisa.

Com a fusão das operações, Marcos Lacerda, que ocupava o posto de head da HavasPlus no Brasil, passa a ser o chief business officer (CBO) da BETC Havas. A função será compartilhada com Daniel Jotta, que era general manager da BETC. Caberá aos dois profissionais a gestão de toda a área de relacionamento e atendimento aos clientes da agência.

“Geralmente, as fusões são feitas com um olhar de otimização de recursos, o que não acontece nesse caso porque as duas operações estão vindo de vitórias importantes. Conseguimos unir forças para poder apoiar os negócios dos clientes com inovação, mídia, criatividade e um olhar estratégico para engajamento e canais ao somar as duas forças dessas agências em uma única operação”, acredita Marcos Lacerda.

Também compõem o board Carlinha Gagliardi, que segue na função de vice-presidente de canais e engajamento, e Diego Alonso, que permanece como chief financial officer (CFO) e chief operating officer (COO).

No comitê executivo da operação estão Jairo Soares, que será head de growth e novos negócios; Agatha Kim, como vice-presidente de estratégia; e Roberta Raduan, na função de head de digital growth. Dividirão o comando criativo os dois profissionais que já comandavam a área em cada uma das agências: Andrea Siqueira (BETC) e Alexandre Vilela (HavasPlus). Ambos serão vice-presidentes de criação.

Com escritórios em São Paulo e no Rio de Janeiro (onde há a operação da HavasPlus), a nova agência conta com cerca de 400 colaboradores e possui no portfólio clientes como TIM, Amil, Banco Pan, Grupo Petrópolis, PSA (Peugeot e Citröen), Grupo Pão de Açúcar, Hershey’s, JDE (Pilão, Damasco, L’OR’, Café do Ponto, Caboclo e Café Pelé), Reckitt Benckiser (Veja, Vanish, SBP, Jontex e Olla).

Em 2019, o Monitor Evolution, da Kantar Ibope Media, colocou pela primeira vez a BETC como líder do ranking das agências do Brasil em termos de compra de mídia, destituindo a Y&R (atual VMLY&R) da liderança ocupada desde 2004.

Histórico de fusões
Tanto a BETC quanto a HavasPlus possuem um histórico de fusões e de mudanças dentro da estrutura do Grupo Havas. Lançada em 2014 por Erh Ray e Gal Barradas, sócia da operação na época, a BETC uniu-se à Havas Worldwide , outra marca que o grupo possuía no Brasil, em 2017, em um movimento que rebatizou a operação para BETC/Havas.

Já a agência Z+ foi adquirida pelo Grupo Havas em 2008 e passou a ser liderada por Marcos Lacerda em 2019, quando foi rebatizada como HavasPlus.

Publicidade

Compartilhe