Com Sabrina Sato, Morana quer ser uma marca acessível

Buscar

Marketing

Publicidade

Com Sabrina Sato, Morana quer ser uma marca acessível

Rede de lojas de acessórios estreia campanha com a apresentadora e prevê inauguração de 20 lojas ainda neste ano


12 de março de 2020 - 6h00

Frame do making of da campanha estrelada por Sabrina Sato (Crédito: Reprodução)

Com a apresentadora Sabrina Sato como garota propaganda, a rede de lojas de acessórios femininos Morana quer se posicionar como uma marca acessível e democrática. Na segunda-feira, 9, a companhia estreou a campanha “Eu quero é mais”, focada em aspectos aspiracionais, e pretende inaugurar 20 lojas neste ano.

Em 2019, a marca de acessórios registrou crescimento de 10% na comparação com o ano anterior e segue com seu plano de expansão. A empresa pretende abrir mais cem lojas nos próximos três anos. Atualmente, a companhia conta com 168 franqueados que investem um total aproximado de R$ 350 mil para inaugurarem uma Morana tradicional.

Para alavancar o movimento, a empresa aposta na figura de Sabrina Sato como rosto da marca. A escolha da apresentadora foi feita em votação com os franqueados. A ideia é que a embaixadora possa refletir características semelhantes às da companhia, que quer apresentar uma imagem leve e democrática.

Criada pela agência de comunicação MD | Make a Difference, focada em varejo e redes de franquias, a campanha terá filmes para o digital e material PVD.

Em um mercado com ticket médio elevado, a decisão de se posicionar como uma marca acessível representa uma oportunidade para acessar o público. Como explica Nara Dutra, gerente de marketing da companhia, “A Morana é uma marca de acessórios que oferece produtos com excelente custo-benefício e essa acessibilidade é fundamental para fidelizar nossas clientes”, conta.

*Crédito da foto no topo: Reprodução 

Publicidade

Compartilhe