Globo reprisa novelas e terá 11h diárias de jornalismo

Buscar

Mídia

Publicidade

Globo reprisa novelas e terá 11h diárias de jornalismo

Emissora anuncia interrupção de gravações e ampliação do tempo dos telejornais na grade de programação

Bárbara Sacchitiello
17 de março de 2020 - 6h00

Ana Paula Araújo e Chico Pinheiro ficarão mais tempo no ar no Bom Dia Brasil (Crédito: Divulgação/TV Globo)

A Globo confirmou nesta segunda-feira, 16, uma série de mudanças em sua grade de programação que visa atender a dois objetivos: ampliar o conteúdo jornalístico a respeito do Covid-19 e proteger seu elenco e funcionários da pandemia.

A emissora confirmou a informação previamente dada pelo site Notícias da TV de que irá interromper a gravação das novelas que estão no ar. Trama do horário nobre, Amor de Mãe exibirá novos capítulos até sábado, 21. A partir daí, a trama será paralisada, com as gravações retomadas apenas quando a epidemia do novo coronavírus começar a apresentar sinais de enfraquecimento. Para preencher a grade, a emissora retomará a exibição de novelas já veiculadas na grade. No lugar de Amor de Mãe, a Globo exibirá uma versão editada de Fina Estampa, de Aguinaldo Silva.

Em nota, a Globo explicou por que a interrupção das gravações de novelas foi uma medida necessária no momento. “Porque evitar o contato físico é fundamental na estratégia da sociedade para conter a expansão do vírus. E não há novelas sem abraços, apertos de mãos, beijos, festas, cenas de briga, cenas de amor, cenas de carinho, tudo aquilo que reflete a vida real, mas que, hoje, não pode ser encenado em segurança. Interrompendo as gravações, protegemos nossos talentos e, ao mesmo tempo, a sociedade: evitando o contágio aqui, evitamos que ele se espalhe lá fora. O nosso primeiro compromisso é com a saúde de nossos colaboradores e do público”, diz a emissora, em nota.

O mesmo destino terá a trama da faixa das 19h, Salve-se Quem Puder, cujos capítulos inéditos serão exibidos até 30 de março. Posteriormente, a faixa será ocupada com a reprise da novela Totalmente Demais. A atual trama das 18h, Éramos Seis, será mantida até a exibição do último capítulo, na sexta-feira 27. A novela substituta, Nos Tempos do Imperador, que já vinha sendo anunciada pela emissora, também será adiada. Na faixa das 18h, será exibido um compacto da novela Novo Mundo.

Jornalismo: 11 horas diárias
As mudanças anunciadas pela Globo também envolvem a ampliação da maior parte dos telejornais da casa. Diariamente, a programação jornalística da emissora terá início às 4h e seguirá sem interrupções até as 15h. Para acomodar o conteúdo jornalístico na grade, os programas Encontro e Se Joga deixam de ser exibidos por tempo indeterminado. O Mais Você, apresentado por Ana Maria Braga, já deixou de ser exibido desde essa segunda-feira, 16.

A Globo também colocará no ar uma atração especial dedicada a tirar dúvidas sobre a pandemia. O Combate ao Coronavírus entrará no ar às 10h, sob o comando do jornalista Marcio Gomes. O Globo Esporte também cederá seu espaço ao Jornal Hoje, que terá uma versão estendida.

No lugar das rodadas do futebol que não serão exibidas, a emissora avisa que exibirá filmes. Veja, abaixo, a chamada da emissora que anuncia as mudanças:

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Globo

  • Conteúdo

  • midia

  • Negócios

  • entretenimento

  • Proteção

  • novo mundo

  • Malhação

  • amor de mãe

  • coronavírus

  • covid-19

  • éramos seis

  • salve-se quem puder

  • nos tempos do imperador

  • pandemia

  • fina estampa

  • totalmente demais

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”