Live Shopping: oportunidade de vendas durante as lives

Buscar

Opinião

Publicidade

Live Shopping: oportunidade de vendas durante as lives


10 de junho de 2021 - 6h00

Semelhante aos canais de TV de compras em casa, o Live Shopping é uma forma de compra que oferece uma experiência interativa em tempo real entre influenciadores ou celebridades e os consumidores durante uma transmissão ao vivo.

Esta modalidade de vendas tem mostrado forte crescimento em países como a China, onde a receita de vendas por este canal foi de aproximadamente 691 bilhões de yuans (US$ 108 bilhões) em 2020, segundo os números da Statista.

Em um cenário de alta competitividade, onde a tecnologia é fator decisivo para o sucesso dos negócios, o comércio eletrônico tornou-se o principal canal de vendas para a maioria das empresas. Em muitos casos, trata-se do único disponível para realizar uma venda.

As vendas pelas plataformas digitais vêm se fortalecendo ao longo dos anos, com resultados expressivos em volume de produtos e serviços comercializados. Com o Live Shopping, o e-commerce ganha um aliado que tem se mostrado altamente eficaz.

A expectativa é que esta modalidade de vendas ganhe outros mercados, principalmente onde os consumidores estão mais habituados ao e-commerce, como o Brasil, onde clientes já estão entre os que mais fazem compras online no mundo. Para se ter uma ideia desse potencial, o e-commerce brasileiro cresceu 73,88% em 2020, revela o índice MCC-ENET, criado pelo Comitê de Métricas da Câmara Brasileira da Economia Digital (camara-e.net) em parceria com o Movimento Compre & Confie.

As compras pelo celular, o chamado mobile commerce (m-commerce) também são animadoras. Segundo uma recente pesquisa Panorama Mobile Time/Opinion Box sobre m-Commerce e m-Payment, mais de 90% dos internautas brasileiros com smartphone já fizeram compras por aplicativos ou em sites móveis. Outro estudo, da Ebit|Nielsen, as vendas online devem crescer 26% em 2021.

A modalidade de vender produtos através de lives tem conquistado adeptos também no Brasil (Créditos: Divulgação)

Mas, como funciona o Live Shopping?

O Live Shopping permite criar um novo canal de vendas conectado diretamente ao e-commerce ou market place das marcas permitindo ao cliente comprar o produto anunciado durante a live, sem ser desconectado da transmissão, podendo finalizar a compra sugerida pelo apresentador, com segurança e usando os meios tradicionais de pagamentos existentes no e-commerce.

Durante a live, o apresentador pode exibir produtos e serviços com informações sobre a oferta, preço e condições de pagamento, integradas a um botão de “comprar”, de onde os consumidores são direcionados para o carrinho conectado à loja virtual das marcas.

Ainda temos poucos números sobre o Live Shopping no Brasil, mas a expectativa é que agora em 2021 muitos experimentos nesta área deverão ser aplicados, principalmente porque estão disponíveis as tecnologias necessárias para a sua realização. Os consumidores esperam isso: 89% deles espera aumentar sua experiência de compras no Live Shopping este ano, segundo a pesquisa Emerging trends: The forces shaping the future today, realizada pela Ipsos para Facebook IQ. Neste estudo, 27% dos entrevistados afirmaram que já realizaram compras via Live Shopping.

Os números citados anteriormente comprovam a disposição do consumidor brasileiro para as compras online. Cabe às empresas e marcas lançarem mão desta nova estratégia e conectar a tendência crescente de consumo de eventos ao vivo com a oferta interativa de produtos, potencializando a compra em tempo real, aumentando a confiança, sem comprometer a segurança e facilitando a decisão dos clientes. Além da capacidade de vendas, o Live Shopping se apresenta como uma alternativa de mídia de forte impacto para quem deseja fortalecer a sua marca no mercado consumidor.

Publicidade

Compartilhe