Acordei Feliz

Buscar

Opinião

Publicidade

Acordei Feliz

O poder da comunicação e do entretenimento está na sua capacidade de fazer as pessoas sonharem


1 de outubro de 2021 - 11h30

(Crédito: Lyubov Ivanova/ iStock)

Hoje eu acordei feliz! Acordei feliz porque me lembrei, logo cedo, de que o sonho move muita coisa. Sonhar faz a gente acordar a fim de algo, a fim de conquistar e realizar.

Sonhar também nos faz esquecer a realidade dura, que vivemos atualmente, e nos permite ter força extra para continuar lutando.

Todos esses pensamentos me fizeram lembrar de um propósito com o qual me conectei nos últimos anos, eu sempre quis mudar o mundo. Porém, eu percebi que eu não poderia mudar o mundo inteiro, mas se eu mudasse o meu entorno eu conseguiria transformá-lo de alguma forma.

Principalmente, eu percebi que trabalho em uma área que é uma ferramenta poderosíssima de transformação, por ser uma ferramenta de construção de sonhos para qualquer pessoa. Quando falamos de comunicação e entretenimento, falamos de uma área que tem uma força de construção de sonhos ou mesmo pesadelos na cabeça das pessoas.

Por isso hoje eu fiquei feliz.

Lembrando dessa semana, quando eu recebi a notícia de que algumas pessoas, que eu tenho o prazer de conhecer, foram indicadas a um dos principais prêmios do Brasil (Caboré). Brasil esse que tem como sua maior riqueza, apesar de não percebermos, a sua cultura e sua criatividade. Independente da classe social ou região, seja o Brasil real ou o Brasil oficial, é criativo, é inovador e resolve o problema da melhor forma possível.

Então ver a Samanta Almeida, Gabriela Rodrigues, Felipe Silva e os meninos e meninas do MOOC indicados a esse grande prêmio, nos mostra o quanto as referências estão mudando e quanto, finalmente, as estruturas de liderança estão percebendo um clamor do mercado consumidor por mudança. Clamor esse que não era ouvido antes, estão pedindo para termos novas formas de contar histórias, construindo narrativas de novas formas, isso é possível quando temos um time plural trabalhando nessas histórias.

Apesar de vivermos em um mundo onde temos notícias horríveis dia a dia, pude entender que o futuro tende a ser bem melhor, se a comunicação e o entretenimento que produzem sonhos começam entender que essa pluralidade é a força inovadora que irá mudar o país, ao mudar o mercado e gerando novas coisas.

Por isso continuo sonhando, continuo brigando e continuo me envolvendo com o máximo de projetos, ideias e loucuras cada vez mais conectadas com esse “Brasil REAL”.

Por isso hoje acordei muito feliz.

Parabéns, Samanta, Gabi, Felipe e Time Mooc vocês são a luz do farol que vai direcionar muito o nosso futuro.

*Crédito da foto no topo: Pexels/ Francesco Ungaro

Publicidade

Compartilhe