Petrobras escolhe Propeg e DPZ&T

Buscar

Comunicação

Publicidade

Petrobras escolhe Propeg e DPZ&T

Anunciante prevê verba de R$ 220 milhões por ano e encerra contratos com Heads e NBS; disputa teve 16 concorrentes e inseriu mudanças relevantes nas licitações públicas

Teresa Levin
22 de fevereiro de 2017 - 14h02

petrobras60.jpg

A Petrobras escolheu a Propeg e a DPZ&T como as agências que cuidarão de sua conta publicitária; Heads e Ogilvy ficaram em terceiro e quarto lugar na disputa. A estatal, que irá investir R$ 550 milhões nos próximos dois anos e meio (o que resulta em verba anual de R$ 22o milhões), revelou as vencedoras da concorrência para a escolha das agências que cuidarão de sua comunicação nesta quarta-feira, 22, no Rio de Janeiro. Ainda cabe recurso da decisão da Petrobras.

Com este resultado,  Heads e a NBS deixam de atender o cliente.  A primeira inaugurou uma unidade na capital fluminense por conta da conquista da Petrobras. Além das agências vencedoras, outras quatorze participaram da disputa: Calia,  Artplan, nova/sb, Ogilvy, Fields, Fischer, Link, Lua, Multisolution, Publicis Brasil,  Z+Comunicação, Café, NBS e Heads.

Uma novidade da relação da Petrobras com suas agências de publicidade neste novo contrato é que a estatal fará disputas internas entre as duas selecionadas sempre que a previsão da verba da campanha em questão for maior que R$ 16 milhões. A expectativa é de que o anunciante invista em média R$ 220 milhões ao ano nas ações da área. Conforme exigido no edital, as agências vencedoras devem ter um escritório no Rio de Janeiro. Diante disso, a DPZ&T voltará a ter uma operação no Rio. A Propeg já atua na cidade mas provavelmente ampliará sua atividade para atender a Petrobras.

Em sua última concorrência, a Petrobras havia escolhido Heads, FCB e NBS para atenderem sua conta publicitária. No começo do ano passado, o anunciante optou por dispensar a FCB concentrando sua conta na Heads e NBS, adotando o formato de duas agências que também será utilizado nos próximos anos.

 

Publicidade

Compartilhe