Cenp explica – e defende – modelo brasileiro de publicidade

Buscar

Comunicação

Publicidade

Cenp explica – e defende – modelo brasileiro de publicidade

Conselho Executivo das Normas Padrão lança vídeos que esclarece a política de remuneração das agências e outras regras vigentes no mercado brasileiro

Bárbara Sacchitiello
23 de julho de 2018 - 11h49

Quais são as normas vigentes no modelo de publicidade praticado no Brasil? Como funciona a remuneração das agências? Que tipo de serviços uma empresa de publicidade pode executar? O Conselho Executivo das Normas Padrão (Cenp) acredita que quem atua no mercado de comunicação conheça essas respostas, mas achou importante fazer uma ação para sanar qualquer tipo de dúvida e, ao mesmo tempo, reforçar as vantagens das práticas vigentes no País.

Com base em estudos produzidos pela LCA consultores, FA Estudos Econômicos e outras pesquisas do setor, o Cenp elaborou três vídeos que detalham as regras do modelo da atividade publicitária no País. “A Harmonia Eficaz do Modelo de Publicidade” e “Visão Econômica do Modelo Brasileiro de Publicidade – Geração de Valor e bem-estar social” são os dois primeiros vídeos lançados pelo Cenp. Veja:

 

Os filmes contaram com a produção da Grato Visual Content. Entre os destaques dos assuntos abordados está a questão da remuneração das agências, baseada no desconto-padrão. De acordo com Caio Barsotti, presidente do Cenp, “a evidência maior de que o modelo funciona, e bem, é a adesão maciça a ele, de anunciantes, agências e veículos”.

O Cenp já havia lançado um material informativo acerca das diretrizes do mercado nacional, denominado “A Publicidade Brasileira e a Autorregulação”.

Publicidade

Compartilhe