Novas regras para publicidade infantil

Buscar

Marketing

Publicidade

Novas regras para publicidade infantil

Governador Geraldo Alckmin deve sancionar ainda em janeiro dois projetos de lei que pretendem impor novas regras para anunciar alimentos a crianças e vender lanches com brinquedos


2 de janeiro de 2013 - 10h32

Os dois projetos de lei que pretendem impor novas regras para anunciar alimentos com baixo teor nutritivo a crianças e vender lanches junto com brinquedos devem ser sancionados pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) ainda neste mês de janeiro. Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, órgãos de defesa do consumidor, como o Instituto Alana e Idec, se preparam para apresentar ao governador dados capazes de comprovar a interferência da publicidade e dos brindes na educação das crianças.

McDonald´s, Bob´s e Burger King estão entre as principais marcas que podem ter que rever a sua estratégia de relacionamento infantil. O texto que proíbe a venda de alimentos com brinquedos ou brindes, o PL 1.096 de 2011, é de autoria do deputado Alex Manente (PPS). Já o PL 193 de 2008, criado pelo deputado Rui Falcão (PT), não só impede a veiculação de anúncios de alimentos e bebidas "pobres em nutrientes, com alto teor de açúcar, gorduras saturadas ou sódio" no rádio e na TV entre 6h e 21h, como também veta o uso de personagens e celebridades infantis. Ambos os textos foram aprovados em dezembro de 2012 pela Assembleia Legislativa paulista.
 

wraps

Publicidade

Compartilhe