Você aceita um taco de waffle?

Buscar

Marketing

Publicidade

Você aceita um taco de waffle?

Taco Bell espera quebrar paradigma com lançamento de cardápio de café da manhã nos Estados Unidos


26 de fevereiro de 2014 - 8h08

(*) Por Maureen Morrison, do Advertising Age

O café da manhã dos sonhos com tacos de waffle em breve poderá ser desfrutado por qualquer pessoa nos Estados Unidos.

Em 27 de março, a Taco Bell irá lançar seu cardápio de café da manhã em todas as suas 5.500 unidades – esta é a maior expansão de menu da empresa em 50 anos de história. O lançamento é consequência de uma série de testes iniciados na Costa Oeste em 2012. A rede tentou implantar o café manhã em 800 lojas de 10 estados da região.

Reconhecida pelo seu conceito de refeição de final de noite, a Taco Bell tinha até então praticamente nenhum movimento no café da manhã. Segundo o presidente Brian Niccol, quando a rede decidiu capitalizar a refeição, ele sentiu que poderia usar alguma inovação. “Queremos criar algo que não é redondo e que não requer um pão de forma. Isso não é o que fazemos. A grande inovação nas últimas décadas é uma clara de ovo, mas acho que o consumidor quer mais e nós podemos dar-lhes mais”, afirma.

Uma forte campanha de marketing para TV, ponto de venda e rádio será liderada pela Deutsch, da Interpublic. A DigitasLBi, do Publicis Groupe, irá cuidar do campo digital e das mídias sociais. Um teaser será lançado nesta semana no ambiente online, mas a campanha em si não estreará até que os produtos estejam disponíveis.

A DraftFCB, coirmã da Deutsch, criou as embalagens, que serão diferentes das normais. Chris Brandt, chief marketing officer (CMO) da Taco Bell, apelidou a embalagem de “Instagram-worthy" (digna de Instagram, em tradução livre). O senhor Brandt declinou de revelar a amplitude financeira do lançamento, mas afirmou: “Você não deixará de ver o café da manhã da Taco Bell”.

Um dos principais itens do cardápio é o taco de waffle que, segundo Niccol, gerou mais buzz que muitos outros itens. A rede agitou as mídias sociais no primeiro semestre de 2013 quando começou a testar o taco de waffle – que inclui ovos, salsicha ou bacon e calda– em alguns estabelecimentos no sul da Califórnia. O teste se expandiu rapidamente para 100 lojas em agosto.

Outros produtos do cardápio de café da manhã da Taco Bell são o A.M. Crunchwrap, o co-branded Delícias de Cinnabon, o Breakfast Burrito, o A.M. Grilled Taco e o Flatbread Melt com hash browns. Para Brandt, o A.M. Crunchwrap (ovos, bife, salsicha ou bacon, batata frita e queijo embrulhados em uma tortilla) será o equivalente da rede ao Egg McMuffin, referência do menu do McDonald’s. “O sanduíche de café da manhã não mudou em 40 anos, e acreditamos que vamos quebrar esse paradigma”, aponta.

O McDonald’s estabeleceu o padrão de café da manhã para fast-food quando apresentou o Egg McMuffin em 1972. Posteriormente, redes como o Burger King lançaram itens para a primeira refeição do dia, mas o McDonald’s continua dominando a categoria por uma ampla margem. Há alguns anos, a Starbucks começou a colocar pressão sobre a operação de café da manhã do McDonald’s – especialmente com a gigante de cafés abrindo redes com drive-thrus. O McDonald’s procurou fazer frente com a melhorada linha à base de café espresso McCafe.

O café, obviamente, é um componente chave do menu matutino. Quase dois terços dos consumidores bebem café durante o café da manhã, aponta um estudo de tendência do consumidor da Technomic. A Taco Bell terá um blend próprio de café – apesar de não esperar que o café seja a estrela do seu menu. "Não estamos tentando competir com outras redes com café”, diz Brandt. O foco está na comida. "Acreditamos que vamos nos diferenciar na oferta de comida e, com o seu desenvolvimento, poderemos acrescentar bebidas especiais de café”. O executivo destaca que a companhia fez testes com cafés gelados e saborizados, mas não há lançamentos iminentes.

A Taco Bell também é reconhecida por seus preços baratos e itens de valor. O café da manhã também é uma refeição sensível ao preço, de acordo com a Technomic. Mais da metade dos consumidores (57%) que tomam café da manhã em casa dizem que economizam dinheiro e 36% afirmam que é muito caro comprar a refeição numa rede de fast-food.

Brandt argumenta que, embora a questão de valor seja inerente à marca Taco Bell, a rede colocará muita ênfase na inovação de produto na estratégia de marketing. A empresa não confirmou os preços do lançamento nacional, e Brandt declinou de discutir a atribuição de preços. Precificação. No entanto, o executivo informou que a empresa está se diferenciando pela inovação.

A Yum Brands, dona da Taco Bell, investiu US$ 280,3 milhões em mídia nos primeiros noves meses de 2013, de acordo com a Kantar Media. A empresa investiu US$ 250 milhões um ano antes. As vendas da Taco Bell, analisando as mesmas lojas, cresceu 3% nos Estados Unidos. No quarto semestre, as vendas das mesmas lojas cresceu 1%, o que representou o oitavo trimestre consecutivo de crescimento da companhia.

Tradução: Fernando Murad
 

wraps

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”