Com Jota Quest, Roland desafia influenciadores

Buscar
Publicidade

Marketing

Com Jota Quest, Roland desafia influenciadores

Projeto desenvolvido em parceria com YouTube e Fibra busca aproximar marca de equipamentos e instrumentos musicais do público mais jovem

Thaís Monteiro
31 de janeiro de 2018 - 16h33

Banda mineira e os influenciadores (Crédito: Divulgação)

Em 6 de fevereiro, a Roland Brasil, fabricante e distribuidora de instrumentos musicais e eletrônicos, realiza o evento Jota Quest Collab by Rolland no YouTube Space do Rio de Janeiro. O show é o resultado final de uma campanha que conta com a colaboração de seis influenciadores e marca uma nova fase da comunicação da empresa, focada em conectividade e criatividade a partir do posicionamento global “Music Connects”, que tem como objetivo qualificar a empresa como antenada e com soluções práticas para os que desejam se expressar por meio da música.

Planejada junto com o YouTube e com o evento executado pela agência Fibra, a ação é fundamentada justamente nesses dois pilares. A marca convidou os youtubers Mussoumano, Mari Nolasco, Gabriel Elias e Jão, todos indicados pela plataforma, para desafiá-los a fazer uma releitura criativa de clássicos da banda Jota Quest nos gêneros rap, folk, reggae e indie rock, respectivamente. As músicas serão gravadas em estúdio pela banda pop e o influenciador, e publicadas nas redes sociais dos participantes, do Jota Quest e da marca, e apresentadas no show no YouTube Space, em fevereiro. O evento será restrito a convidados, mas terá transmissão ao vivo nas redes sociais da Roland. “Unir uma banda com duas décadas de sucesso e a potência desses jovens artistas digitais reflete nosso objetivo e principal valor como marca: incentivar a música, a criatividade e formar novos músicos no País”, afirma Sergio Motta, diretor de marketing da empresa.

“Queremos aprimorar nossa mensagem e o canal para que mais pessoas tenham a oportunidade de tocar um instrumento musical”, diz Sérgio Motta

Esta é a primeira ação da Roland Brasil com influenciadores, o que representa, para o executivo, um investimento diferente, mas não necessariamente maior. A marca tem seus canais sociais ativos para anunciar produtos e publicar depoimentos e performances de músicos e bandas, e faz divulgação em seu website e lojas autorizadas. “Sem dúvida, esta é uma forma nova de pensar nossa comunicação. Agora entendemos que existem vários níveis e estilos de comunicação com jovens internautas, e queremos aprimorar nossa mensagem e o canal para que mais pessoas tenham a oportunidade de tocar um instrumento musical”, diz Motta.

Youtuber e cantora Mariana Nolasco em gravação com o Jota Quest (crédito: divulgação)

Os novos parceiros, que juntos somam mais de dez milhões de inscritos no YouTube, farão a ponte que a marca precisa para levar seus produtos mais próximo dos consumidores jovens, principalmente os lançamentos recentes: Go:Mixer, interface de áudio para celulares, e 4XCamera, aplicativo para criação em vídeos com tela dividida que permite a colaboração entre vários músicos.

Os youtubers, assim como seu público, começaram inexperientes e têm o desejo de criar conexões através da música. “O objetivo é mostrar que a música não tem barreiras, é uma das melhores maneiras de socializar, fazer amizades e se conectar com outras pessoas. Queremos despertar o interesse entre os jovens de tocar um instrumento e aproveitar todos os benefícios que isso traz”, conta o executivo. A semelhança entre o grupo de influenciadores e o público-alvo, de acordo com Motta, também permite uma entrega mais direta.

Após a primeira colaboração da marca com criadores de conteúdo, o executivo adianta que a Roland continuará a convidá-los para participar de sua comunicação, algo que vê como inevitável para uma empresa no ramo da música. “É um caminho sem volta, pois muitos influenciadores são músicos e muitos buscam se destacar na internet através da música”, constata.

Publicidade

Compartilhe