JBS cria app para transporte de gado

Buscar

Marketing

Publicidade

JBS cria app para transporte de gado

Uboi permite que o pecuarista monitore em tempo real a viagem dos animais, agende embarques, consulte o histórico de transportes realizados e avalie a qualidade do serviço prestado


23 de julho de 2020 - 15h11

Uboi permite que o pecuarista monitore em tempo real a viagem dos animais (Crédito: divulgação)

Com o intuito de aumentar a segurança na contratação de transporte animal, a JBS anunciou o lançamento do aplicativo de transporte de gado vivo Uboi, que dá acesso à frota da transportadora, que conta com três mil veículos próprios e de parceiros que percorrem o Brasil. O primeiro estado a contar com o serviço foi Mato Grosso e agora os produtores dos estados de São Paulo, Mato Grosso do Sul, Goiás e Vale do Araguaia (MT) também terão acesso. Os motoristas que prestam serviço à companhia podem se cadastrar no aplicativo gratuito que está disponível para download nos sistemas operacionais Android e iOS.

O Uboi permite que o pecuarista monitore em tempo real a viagem dos animais, agende embarques de maneira antecipada, consulte o histórico de transportes realizados, avalie a qualidade do serviço prestado e acompanhe todas as etapas do processo. “Essa inovação contribuirá com o desenvolvimento do setor de maneira geral, pois auxilia na ampliação da capacidade produtiva do Brasil, simplificando e facilitando o transporte de gado entre propriedades rurais”, comentou Ricardo Gelain, diretor da JBS Transportadora, em nota.

Para gerar awareness para a nova marca, download do app e uso do serviço, a Greenz criou a campanha “Chama o Uboi”, que está sendo veiculada nas plataformas digitais, mídia off-line, rádio, TV e revistas do setor. “Nosso maior desafio foi criar diálogo entre o serviço e o seu público, tão específico. Para isso, uma comunicação simples, direta e apoiada na experiência e credibilidade da JBS foram essenciais”, explicou Paulo Henrique Gomes, CCO da Greenz, em comunicado.

**Crédito da imagem no topo: Divulgação

Publicidade

Compartilhe