Como a IA está transformando o mundo do trabalho?

Buscar

Como a IA está transformando o mundo do trabalho?

Buscar
Publicidade

Marketing

Como a IA está transformando o mundo do trabalho?

Estudo da PwC indica para aumento da produtividade e alívio na escassez de mão de obra; aumenta o número de vagas que requerem a iA como habilidade


5 de julho de 2024 - 10h38

As inúmeras discussões geradas pela ascensão da IA permeiam a dúvida de como ela impactará o mundo do trabalho. A PwC divulgou o relatório Barômetro de Empregos de IA 2024, que revela como a tecnologia está levando este âmbito a uma transformação.

ia trabalho

(Crédito: Gorodenkoff/Adobe Stock)

O estudo mostra um aumento de 4,8 vezes na produtividade do trabalho em setores que estão mais expostos à IA, como o de serviços, informação e comunicação e serviços financeiros.

A PwC analisou meio bilhão de anúncios de empregos em 15 países entre Europa, Ásia, Oceania e América do Norte. Juntas, as nações são responsáveis por mais de 30% de todo PIB global.

Consequentemente, houve um aumento de vagas que exigem competências em IA. Em serviços financeiros e convencionais, por exemplo, a demanda é três vezes maior. Já em informação e comunicação, o número aumenta para cinco vezes.

No geral, o número de vagas que exigem tais competências subiu 3,5 vezes mais rápido que o total de empregos, e superou o de todas as categorias de trabalho desde 2016.

Um exemplo é: para cada anúncio de emprego em 2012 que exigia competências vinculadas ao domínio da tecnologia, existem atualmente sete anúncios de vagas do tipo.

A pesquisa sugere também que o crescimento de empregos em ocupações expostas à IA, como ensino e tecnologia da informação (TI), está 27% mais devagar. De acordo com a PwC, neste caso, a IA é capaz de superar a escassez de mão de obra que poderia frear um possível crescimento econômico.

Na contramão, o ritmo de mudança nas ocupações expostas à IA é 25% mais rápido. Isso significa que profissionais em tais posições devem demonstrar ou adquirir novas competências para manter relevância no mercado de trabalho. Ademais, podem auxiliar na redefinição de como o trabalho é realizado em sua profissão.

Em nota à imprensa, Camila Cinquetti, sócia líder da área de Workforce da PwC Brasil, diz que é preciso garantir uma abordagem de recrutamento que coloque as competências em primeiro lugar, bem como o investimento contínuo na melhoria das competências da força de trabalho. O Barômetro de Empregos de IA 2024 mostra um bônus salarial de 25% para profissionais com competências em IA.

“Empresas e governos precisam garantir que estão investindo nas competências necessárias, tanto para os cidadãos como para as organizações, se quiserem prosperar em um contexto de trabalho que já está sendo transformado pela IA”, afirma em comunicado.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Eisenbahn anuncia patrocínio ao Rally dos Sertões 2024

    Eisenbahn anuncia patrocínio ao Rally dos Sertões 2024

    Além do 32º Sertões BRB, a marca do Grupo Heineken será apoiadora da plataforma de esportes que também abraça as vertentes de mountain bike e kitesurf

  • Futebol, lifestyle e collabs: a visão de 100 anos da Umbro

    Futebol, lifestyle e collabs: a visão de 100 anos da Umbro

    Marca celebra centenário apostando em tendências e unindo moda e esportes em suas coleções