Vivo reforça compromisso e antecipa metas de ESG

Buscar

Vivo reforça compromisso e antecipa metas de ESG

Buscar
Publicidade

Marketing

Vivo reforça compromisso e antecipa metas de ESG

Empresa adiantou compromissos climáticos e diversidade em cinco anos, até 2035; companhia foi considerada a mais sustentável do Brasil pela B3


17 de junho de 2024 - 16h19

Desde 2015, ano em que se estabeleceu o Acordo de Paris pela redução das emissões de gases de efeito estufa, a Vivo se compromete com a transição para a energia renovável com o lançamento de suas primeiras metas. Agora, antecipa seus compromissos ESG dada a urgência da pauta.

vivo esg

Christian Gebara, CEO da Vivo, durante o Vivo ESG Day, realizado na manhã desta segunda-feira, 17 (Crédito: Divulgação)

A companhia anunciou nesta segunda-feira, 17, que pretende zerar emissões de carbono até 2035, no que diz respeito ao escopo 3, aquelas das quais a companhia tem responsabilidade de maneira indireta. Antes, visava alcançar o objetivo até 2040. O plano prevê a redução de 90% das emissões em toda a cadeia de valor e 10% através de projetos de regeneração natural.

A Vivo alcançou, no ano passado, seu primeiro marco rumo ao net zero com uma redução de 90% das emissões no escopo 1 e 2, quando comparadas com 2015. Além disso, a telecom antecipa as metas relacionadas à circularidade e diversidade em seu quadro de colaboradores.

“Isso nos coloca muito à frente da grande maioria das empresas que têm objetivos chegando, inclusive, em 2050. Enxergamos a urgência de que todos antecipem suas metas”, declarou o CEO, Christian Gebara, durante o Vivo ESG Day, evento realizado em São Paulo e que contou com membros do terceiro setor, imprensa, colaboradores e outros.

No início do ano, a B3 classificou a Vivo como a empresa mais sustentável do Brasil. Entre 78 empresas, a operadora encabeça o Índice de Sustentabilidade Empresarial da bolsa de valores brasileira.

Metas ESG da Vivo até 2035

Em relação à circularidade, o protagonismo vai para seu programa de logística reversa de aparelhos eletrônicos. Desde que foi criado em 2006, o programa Vivo Recicle acumulou 150 toneladas de aparelhos, sendo mais de 5,2 milhões de itens coletados em mais de 1.800 pontos espalhados pelo Brasil, entre lojas e outros locais. A nova ambição é de ampliar em 225 toneladas também até 2035.

Gebara endossou os esforços da organização com o incentivo não apenas de seus consumidores, mas de toda a sociedade. Para isso, faz o uso, inclusive, de mídia paga tendo a comunicação como catalisadora da transformação.

O mesmo período de metas vislumbra a promoção de um ambiente corporativo mais diverso em menos tempo. Até 2035, a operadora pretende ter 40% de pessoas negras em cadeiras de líderes, bem como 45% no quadro funcional. Atualmente, a Vivo emprega 33 mil colaboradores, dos quais 42,2% são negros e 33% atuam como líderes.

A mesma meta de 40% vale para mulheres em cargos diretivos (hoje em 32%). A partir de planos de diversidade, a companhia já conta com 37,6% das mulheres em posições de liderança. Até 2035, o número deve subir para 45%.

Entre as ações já existentes estão vegas afirmativas – em 2023, foram 2.700 posições voltadas para diversos grupos, como pessoas com deficiência, LGBTI+ e 50+ – e programas de trainee e estágio com metade das posições sendo exclusivamente para pessoas negras.

Para Gebara, as novas metas de ESG representam alguns compromissos dentro de um compromisso maior, que é o de trazer a sustentabilidade como pilar fundamental da estratégia da Vivo. “Não existe negócio se não formos uma empresa sustentável”, declarou. “O mais importante é o compromisso que fazemos todo dia de ser uma empresa que acredita na digitalização, mas principalmente na inclusão social, racial e responsabilidade ambiental”.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Dove aposta em especialista em IA para incentivar beleza sem padrões

    Dove aposta em especialista em IA para incentivar beleza sem padrões

    Como embaixadora de Dove pela Real Beleza, Heloisy Pereira Rodrigues, formada em IA, trabalhará junto a marca em iniciativas da IA a favor da beleza sem padrões

  • Nivea usa gamificação para falar de cuidados com a pele

    Nivea usa gamificação para falar de cuidados com a pele

    Iniciativa acontecerá presencialmente em São Paulo, Campinas e Curitiba para democratizar conhecimento sobre a pele