Zamp fecha acordo para operar lojas da Starbucks no Brasil

Buscar

Zamp fecha acordo para operar lojas da Starbucks no Brasil

Buscar
Publicidade

Marketing

Zamp fecha acordo para operar lojas da Starbucks no Brasil

Após tratativas, companhia proprietária do Burger King conclui negociação para operar lojas da rede de cafeterias por R$ 120 milhões


6 de junho de 2024 - 10h26

A Zamp, empresa proprietária das redes Burger King e Popeyes, comunicou nesta quinta-feira, 6, o acerto para a compra da operação das lojas da Starbucks no Brasil.

De acordo com fato relevante divulgado pela companhia, o valor da compra foi de R$ 120 milhões.

As duas empresas vinham em tratativas avançadas para concluir a negociação. No dia 12 de abril, a Zamp divulgou comunicado ao mercado informando que estava prestes a concluir o acordo para se tornar administradora de 140 lojas da rede de cafeterias no Brasil.

A consumação da compra, contudo, ainda está sujeita a “determinadas condições suspensivas, dentre elas a autorização judicial no âmbito da recuperação judicial da SouthRock, até então administradora da Starbucks no Brasil, além da aprovação do Cade.

Por conta, inclusive, da recuperação judicial da SouthRock, a Zamp informa, no Fato Relevante, que poderá igualar as propostas eventuais de terceiros para o negócio.

Operação da Starbucks no Brasil

No início de novembro do ano passado, a Starbucks Coffee International Inc. solicitou o encerramento das atividades dos negócios no Brasil pela South Rock Capital, empresa que licenciava a operação da marca da rede no País desde 2018.

Na época, a operadora declarou que as marcas continuariam operando e entregando os produtos da Starbucks.

Dias antes desse movimento, em 31 de outubro, a controladora da marca abriu pedido de recuperação judicial na 1a Vara de Falências da Justiça de São Paulo.

Já em fevereiro deste ano, a Zamp admitiu que havia dado início a tratativas, junto a SouthRock, para explorar a marca Starbucks em território brasileiro.

Publicidade

Compartilhe

Veja também