Africa reestrutura área de mídia em três pilares

Buscar

Comunicação

Publicidade

Africa reestrutura área de mídia em três pilares

Liderado por Aga Porada, departamento passa a operar sob as divisões de Cliente Facing, Intelligence e Madagascar

Bárbara Sacchitiello
21 de julho de 2021 - 6h00

Da esq. para a dir.: Aga Porada, VP da área de mídia, performance e dados, ao lado das líderes dos novos pilares: Heloisa Lima, Luciana Prado e Danielle Laterza (Crédito:Rodrigo Pirim)

Para acompanhar as transformações tecnológicas dos veículos e da tecnologia que envolve as áreas de mídia e inteligência de dados ao mesmo tempo em que procura oferecer soluções mais efetivas aos seus clientes, a Africa faz uma remodelação em seu departamento de mídia, performance e business intelligence (BI).

Uma nova visão para o segmento começou a ser dada em abril, quando a agência contratou Aga Porada para o posto de vice-presidente da área. A profissional chegou à agência com a missão de promover uma atualização da área, de acordo com os movimentos atuais do mercado. “Como profissionais, precisamos pensar diferente, sem olhar para caixinhas separadas, mas de forma integrada. Precisamos nos colocar no lugr dos consumidores. Se eles não distinguem o offline do digital, nós também não podemos fazer isso”, diz Aga.

Como resultado dessa reformulação, a área de mídia, performance e business intelligence foi dividida em três pilares: Cliente Facing, Inteligence e Madagascar. A primeira dela – Cliente Facing – será responsável pela interface com os clientes da agência e irá trabalhar em conjunto com as áreas de planejamento e criação das respectivas contas, com uma postura mais proativa em relação a novos negócios. A divisão ficará segmentada em dois subgrupos de clientes, sendo cada um deles liderados pelas diretoras gerais de mídia Luciana Prado e Heloisa Lima.

Heloísa Lima também ficará à frente do pilar de Intelligence, cuja missão será o planejamento e desenvolvimento de metodologias de aferição online e off-line. Os profissionais dessa área terão a missão de trabalhar junto a toda a agência, em conjunto com a equipe de tecnologia.

Já a última divisão, a Madagascar, ficará sob o comando de Danielle Laterza, profissional com experiência na área de ferramentas de ad tech e que atuava na Globo como gerente de performance. A área terá a função de centralizar a gestão, análise de dados e performance de mídia, fornecendo suporte de ad tech para toda a operação da agência, além de cuidar da análise e sugestão de novos canais e formatos.

Publicidade

Compartilhe