Adiar ou cancelar Tóquio não está na pauta, diz Thomas Bach

Buscar

Marketing

Publicidade

Adiar ou cancelar Tóquio não está na pauta, diz Thomas Bach

Presidente do Comitê Olímpico Internacional afirma que palavras “cancelamento” e “adiamento” não foram mencionadas na reunião do conselho executivo

Fernando Murad
4 de março de 2020 - 20h17

Thomas Back

Thomas Bach segue confiante na realização dos Jogos Olímpicos (crédito: Mark Runnacles/Getty Images)

Embora a ministra das Olimpíadas do Japão, Seiko Hashimoto, já tenha admitido a possibilidade de adiamento dos Jogos Olímpicos Tóquio 2020, previstos para acontecer entre 24 de julho a 9 de agosto, em função da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o Comitê Olímpico Internacional (COI) mantém discurso oposto.

Thomas Bach, presidente da entidade, afirmou que as palavras “cancelamento” e “adiamento” não foram mencionadas na reunião do conselho executivo realizada nesta quarta-feira, 4, em Lausanne, na Suíça.

O executivo reiterou que reuniões regulares com uma força-tarefa sobre o vírus continuam e o COI e o comitê organizador local permanecem “totalmente comprometidos” com a realização de Tóquio 2020. “Isso é desafiador, mas também devo dizer que tenho muito orgulho do movimento olímpico e da grande solidariedade que todos demonstraram até agora para enfrentar esses desafios”, disse Bach.

Na terça-feira, 3, o presidente do COI afirmou que continuava confiante no sucesso dos jogos olímpicos apesar das preocupações com o Covid-19. “Gostaríamos de incentivar todos os atletas a continuarem sua preparação para os Jogos Olímpicos Tóquio 2020 com muita confiança e força total”, disse na ocasião.

Mais de 4,5 milhões de ingressos já foram comercializados no Japão e outros 80 milhões de pedidos de bilhetes foram registrados, de acordo com o Comitê Olímpico Internacional.

 

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Seiko Hashimoto

  • Thomas Bach

  • COI

  • Comitê Olímpico Internacional

  • Tóquio 2020

  • Marketing esportivo

  • negócios do esporte

  • coronavírus

  • covid-19

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”