Campanha “+ Dias – Aids + Liberdade” é relançada

Buscar

Marketing

Publicidade

Campanha “+ Dias – Aids + Liberdade” é relançada

No marco de 40 anos do primeiro diagnóstico, Dia Internacional de Luta Contra a Aids terá distribuição de preservativos, testagem gratuita para HIV e orientações de saúde; MTV estreia doc-reality Deu Positivo


1 de dezembro de 2021 - 6h30

Heitor Werneck, idealizado da campanha (crédito: divulgação)

Nesta quarta-feira, 1º, Dia Internacional de Luta Contra a Aids, em que se completa 40 anos do primeiro diagnóstico de Aids no mundo, será relançada a campanha “+Dias -Aids +Liberdade”, criada nos anos 1990 pelo estilista, figurinista, produtor cultural e fundador do Projeto Divercidade, Heitor Werneck. A retomada da campanha, feita em parceria com a consultora e gestora de projetos Sandra Tiemi Yokota, terá ações em prol da desmistificação, prevenção, tratamento e esclarecimento sobre a Aids

A iniciativa tem patrocínio da Prudence, marca de preservativos da DKT, e apoio do Scruff, aplicativo para os homens gays, bissexuais, trans e queer se conectarem, do Instituto Cultural Barong, da Mauricio de Souza Produções, da ONG Pela Vidda, da Cruz Vermelha São Paulo e das Secretarias Municipais de Direitos Humanos e Cidadania e da Saúde – ISTs e AIDS campanha.

As ações de relançamento da campanha se concentram no Largo do Arouche, em São Paulo, e incluem unidades móveis da Prefeitura, que darão atendimento de saúde e psicológico, projeção de fotos em um prédio retratando a diversidade social, de gênero, idade e etnia da população, distribuição de kits em postos fixos e em uma bicicleta itinerante conduzida pela travesti Miriam, do grupo Pela Vidda. Os kits contêm quadrinhos Turma da Mônica em: Amiguinhos da Vida, produtos Prudence e folders informativos.

A programação inclui, ainda, uma live transmitida pelo Facebook da Coordenadoria de Políticas Públicas LGBTI+, mediada por Heitor Werneck e com a participação de nomes referências na questão da prevenção do HIV e responsáveis pelas políticas públicas e privadas para pessoas vivendo com HIV.

Já até o dia 8, o Barong realiza ações alusivas ao Dezembro Vermelho, campanha nacional de prevenção ao HIV/Aids e outras infecções sexualmente transmissíveis, e terá sua van consultório percorrendo bairros da São Paulo fazendo testagem para HIV, hepatites virais e sífilis, distribuindo preservativos, gel lubrificante e lenços umedecidos, oferecendo apoio social e psicológico e materiais impressos como cartilhas educativas para a população LGBTQIA+.

Doc-reality Deu Positivo, da MTV, apresenta histórias de pessoas que vivem com o HIV (crédito: divulgação

Conteúdo
Também nesta quarta-feira, 1º, entra no ar a segunda temporada do Doc-reality Deu Positivo, na MTV. Idealizado pela Vbrand e coproduzido com a Cine Group, com o apoio da GSK/ViiV Healthcare, a série de três episódios apresenta histórias de pessoas que vivem com o HIV e destaca a rede de apoio formada por amigos e familiares como peça fundamental para a qualidade de vida dos personagens.

A produção revisita alguns participantes da primeira temporada, exibida pela MTV em 2020, e apresenta novos personagens que mostram que viver com HIV não os impede de ter qualidade de vida, realizar sonhos, concretizar projetos e que, com informação, autocuidado, boa adesão ao tratamento e rede de apoio, é possível viver de forma saudável e plena.

De acordo com dados do Ministério da Saúde de 2020, aproximadamente 920 mil pessoas vivem com HIV no Brasil. Dessas, 89% foram diagnosticadas e 77% fazem tratamento com medicamentos antirretrovirais, que são remédios para impedir a multiplicação do vírus no organismo, distribuídos gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS). No mundo, são 37,6 milhões de pessoas vivendo com HIV.

Publicidade

Compartilhe