Após dias fora do ar, Americanas restabelece e-commerce

Buscar
Publicidade

Marketing

Após dias fora do ar, Americanas restabelece e-commerce

Empresa avisa que está, gradualmente, retomando sua operação digital; marca perdeu mais de R$ 3 bilhões em valor de mercado

Bárbara Sacchitiello
23 de fevereiro de 2022 - 12h29

(Crédito: Reprodução)

Após mais de três dias com seus sites e plataformas e aplicativos fora do ar, a Americanas começou a restabelecer sua operação nesta quarta-feira, 23.

“A Americanas informa que está restabelecendo gradualmente e com segurança seus ambientes de e-commerce desde quarta–feira (23/02), suspensos em razão de incidente de segurança do qual foi vítima entre os dias 19 e 20 de fevereiro”, diz o comunicado da empresa. Os sites de Americanas e Submarino já retornaram o ar. O do Shoptime continua exibindo a mensagem de suspensão do servidor.

A empresa, que é detentora das marcas Americanas, Submarino e Shoptime, começou a enfrentar instabilidades em suas operações no sábado, 19. No domingo, 20, os sites de Americanas e Submarino saíram do ar, impedindo qualquer operação via e-commerce.

Na segunda-feira, 22, um banner publicado no site da empresa dizia que, “por questões de segurança, suspendeu proativamente parte dos servidores do ambiente de e-commerce” e que atuava com recursos técnicos e especialistas para normalizar com segurança o mais rápido possível.

Prejuízos e mudanças de rota
Estimativas feitas pela consultoria Economatica na segunda-feira apontaram que a Americanas havia perdido cerca de R$2 bilhões em valor de mercado. Nesta quarta-feira, 23, o cálculo foi refeito e a estimativa do prejuízo pela queda nas operações, segundo a Economatica, já alcança R$ 3,48 bilhões em valor de mercado.

Nesses dias em que os canais de e-commerce estiveram fora do ar, a Americanas não fez postagens em suas redes sociais. A marca é uma das patrocinadoras principais do Big Brother Brasil e no sábado, 19, chegou a promover uma festa temática para os participantes da casa, com a presença do cantor Thiaguinho.

A queda da operação digital obrigou a empresa a fazer uma mudança em sua comunicação no reality-show. Na edição de domingo, 20, quando são exibidas as imagens da festa do dia anterior, a chamada feita pelo apresentador do reality, Tadeu Schmidt, não convidou o público a acessar o site ou aplicativo da marca via QR Code, como a marca geralmente tem feito ao longo da atração.

Publicidade

Compartilhe

Veja também