Qual é o perfil do público que assiste ao BBB?

Buscar
Publicidade

Mídia

Qual é o perfil do público que assiste ao BBB?

Maior parte do grupo espectador do reality é formada por mulheres (60%); em termos regionais, Sul e Sudeste lideram, com 43%, indica levantamento da Buzzmonitor feito com base em comentários feitos por usuários do Twitter


21 de janeiro de 2022 - 6h01

(crédito: Reprodução/gshow)

As mulheres são o público que mais gosta de assistir ao Big Brother Brasil, de acordo com a Buzzmonitor, plataforma de software-as-a-service para gestão de social media e atendimento multicanal do Elifegroup. Mais da metade do público que assiste ao programa (60%) são mulheres. Já a maior parcela dos usuários que não gostam de assistir ao BBB é formada por homens (62%).

Em relação à localização, 43% daqueles que assistem ao reality moram nas regiões Sudeste e Sul, seguido pelo Nordeste (38%). Sudeste e Sul também apresentaram, em contrapartida, os maiores volumes de pessoas que não assistem ao reality (51%).

Para realizar esse levantamento, a plataforma Buzzmonitor mapeou 400 usuários de grupos que relataram assistir ao programa e aqueles que relataram que não o assistem através de comentários postados no Twitter, considerando o período de janeiro de 2021 a janeiro de 2022. Ao todo, foram coletadas e avaliadas, por meio do método Monitoramento Centralizado do Consumidor (CCL em inglês), 56 mil citações sobre o reality no Twitter.

A análise ainda revelou que os brasileiros que relataram não assistir ao BBB se mostraram mais interessados sobre temas como política e a saúde, incluindo a Covid: 20% desses usuários citaram as eleições em seus perfis; 84% o presidente Bolsonaro e 71% o ex-presidente Lula.

 

Já entre os que assistem ao reality, 12% citam as eleições, 62% Bolsonaro e 47% o Lula. Entre os que não assistem ao programa, 70% falaram sobre vacinação. Já entre os grupo dos que consomem o reality, as conversas sobre vacinas foram citadas por 57%. Quando o assunto é religião e crenças, 86% dos usuários que assistem ao BBB citaram mais Deus dos que os que não assistem (79%).

O levantamento também mostra que os brasileiros que acompanham ao programa fazem isso junto a outras atividades, como ouvir música (50%), principalmente funk, pop e sertanejo; e ler livros (29%). Por outro lado, os que não assistem ao reality dedicam mais tempo ao consumo de vídeos online (77%).

Já a rede social mais usada por ambos os grupos é o Twitter: 36,1% entre os que assistem ao programa e 36,9% entre os que não assistem. Aqueles que veem o BBB também preferem vídeos mais curtos, visto que 11,3% deles citaram o TikTok, enquanto os que não assistem preferem vídeos mais longos, sendo que 13% falaram do YouTube e nenhum mencionou o TikTok. Além disso, entre aqueles que não assistem ao reality, o Telegram (7,8%) disputa atenção com o WhatsApp (10,4%), já entre os que acompanham, o Telegram nem chegou a ser citado.

**Crédito da imagem no topo: Reprodução

Publicidade

Compartilhe

Veja também