Euroshop apresenta as tendências para o varejo mundial

Buscar

Opinião

Publicidade

Euroshop apresenta as tendências para o varejo mundial

Numa delas, o papel ganha destaque enquanto material: alguns aumentam a durabilidade dos produtos refrigerados para um ano


18 de fevereiro de 2020 - 15h30

EuroShop 2020 (Crédito: Reprodução/ Facebook)

Teve início na cidade de Düsseldorf, na Alemanha, a Euroshop (que vai de 16 a 20 deste mês): uma das maiores feiras para o varejo mundial. O evento acontece a cada três anos e apresenta em primeira mão as principais inovações e soluções para o segmento. Só para se ter uma ideia de grandeza, conta com 19 pavilhões e é cinco vezes maior do que a feira da Associação Paulista de Supermercados (Apas), que é uma referência em termos de Brasil.

Mais do que uma feira, a Euroshop é uma plataforma de comunicação e negócios que abrange uma enorme gama de produtos e serviços para a indústria do varejo, como comunicação visual, arquitetura, técnicas de iluminação, refrigeração, automação, design de lojas, displays, mobiliários, tecnologias de marketing e merchandising. É onde também estão novas soluções para alimentos e bebida, gestão de energia, além de produtos para montagem de estandes e eventos.

Antes de falarmos sobre o evento propriamente dito, é importante ressaltar que o local não poderia ser outro. Düsseldorf é considerada a principal cidade econômica e cultural da Alemanha. Basta andar pela região para vermos como é construída a geração de riqueza através das inúmeras cervejas que são seculares no país, que é berço da cervejaria artesanal. Um varejo que se reinventa ano após ano. Além disso, o comércio local não adota o modelo americano de grandes shoppings centers. O que se vê são ruas a céu aberto que giram grandes valores na economia alemã.

A primeira visita foi aos pavilhões de retail marketing e retail technology. Um grande destaque é a iluminação como um ponto de extrema importância — seja nas marcas ou no merchandising. Os expositores mostram que é possível usar essa comunicação com muita tecnologia para chamar a atenção na integração com todos os canais. O que brilha os olhos é a proposta de utilização de tecnologia para trazer informações sobre a jornada do consumidor na loja física, aprimorando sua experiência e aproximando-o do mundo digital sem perder sua natureza de contato humano.

É o domínio do digital sign — agora apresentado em diferentes formatos, curvas e tamanhos — que consegue integrar a loja física e virtual. Essa pequena revolução permite um dinamismo onde tudo era estático. Assim, com uso estratégico da iluminação, os pisos de LED trazem movimento e realidade para o ponto de venda (PDV).

Todos os projetos contam com uma qualidade de imagens e cores que é de encher os olhos. Vimos, por exemplo, diferentes projetos de plataforma 3D que permitem uma interação a partir de sensores que fazem a leitura de movimento por câmeras.

Outra novidade é que dentro do pavilhão de retail marketing foi instalada uma área de startup totalmente focada no varejo. Assim, é possível encontrar soluções para mapeamento de calor; para cruzamento de social mídia com CRM; propostas de experiência omnichannel e outras tantas tecnologias que visam integrar cada vez mais o omnishopper.

Para quem trabalha com alimentos, uma novidade que alinha os interesses do varejista às demandas de um consumidor mais consciente e preocupado é a gama de equipamentos para exposição de produtos frescos e saudáveis. O papel ganha destaque enquanto material, já que alguns dos apresentados na Euroshop conseguem aumentar a durabilidade dos produtos refrigerados para um ano.

Outra constatação importante que nos encheu de orgulho é perceber o quanto o Brasil tem evoluído no que tange o acesso às tendências de mercado. Era comum ouvirmos o discurso de que precisávamos esperar alguns anos para ver chegar ao varejo brasileiro os lançamentos apresentados no mundo e que o nosso varejo não conseguia acompanhar as tecnologias.

Ao visitar a feira, é possível constatar, positivamente, que nosso país conta com empresas apresentando soluções, fechando parcerias e levando os insights da Euroshop para casa. Isso nos coloca em condição de igualdade para aderir às tendências do setor e, ao mesmo tempo, contribui para aquecer as alternativas mundiais quando o assunto é presença de marca no PDV. E os aprendizados não vão parar por aqui, esse foi a apenas o primeiro dia de uma grande jornada que está por vir.

*Crédito da foto no topo: Reprodução/ Facebook 

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • varejo

  • crm

  • feira de negócios

  • Soluções

  • ponto de venda

  • startup

  • feira

  • PDV

  • Euroshop

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”