Movimento quer reverter apagamento indígena nas IAs

Buscar

Movimento quer reverter apagamento indígena nas IAs

Buscar
Publicidade

Mídia

Movimento quer reverter apagamento indígena nas IAs

Iniciativa da Scientia Consultoria e agência One verificou que ferramentas de inteligência artificial não reconhecem os povos originários brasileiros e querem mudar esse cenário


7 de julho de 2023 - 16h30

apagamento indígena

Passo a passo para participar está disponível na plataforma (Crédito: Reprodução)

A Scientia Consultoria, empresa especializada em pesquisas de patrimônio cultural e a agência One, do Grupo Publicis, estão lançando a o movimento #AiApagamentoIndigena que convida artistas brasileiros a alimentarem as ferramentas de inteligência artificial com representações das etnias indígenas locais.

O movimento surgiu a partir de uma análise que verificou que o Midjourney, IA generativa baseada em imagens, não reconhece os povos originários brasileiros. Isso acontece porque não há acervo digital suficiente para os softwares identifiquem os rostos e suas etnias.

Para mudar esse cenário a iniciativa, convidou artistas brasileiros – incluindo artistas indígenas – para ilustrarem as diversas etnias presentes como Guaraní Kaiowá, Xetá, Tupiniquim, Yanomami e outras. A agência, por sua vez, vai alimentar as ferramentas com o resultado do trabalho. Passo a Passo para participar está disponível na plataforma.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Band já garante quatro marcas na cobertura do São João do Nordeste

    Band já garante quatro marcas na cobertura do São João do Nordeste

    Veículo mostrará as principais festas da região Nordeste pelas emissoras afiliadas e também pelo Bandplay

  • Após 28 anos, ICQ deixará oficialmente de existir

    Após 28 anos, ICQ deixará oficialmente de existir

    Programa de mensagens, muito popular nos anos 2000, deixará de funcionar em junho, segundo sua empresa proprietária, a russa VK