Mercado Livre substitui Americanas como patrocinadora do BBB

Buscar

Mercado Livre substitui Americanas como patrocinadora do BBB

Buscar
Publicidade

Mídia

Mercado Livre substitui Americanas como patrocinadora do BBB

Magalu também apresentou proposta para tentar participar do reality da Globo; será a primeira vez da plataforma de marketplace no programa


13 de janeiro de 2023 - 18h54

(Crédito: Divulgação)

Horas depois de a Americanas S.A ter anunciado a retirada do patrocínio ao BBB 23, a Globo já tem outra marca patrocinadora para substituir a rede de varejo. O Mercado Livre comprou a cota Big e será um dos principais patrocinadores da edição do reality show, que começa na segunda-feira, 16.

A informação de que o Mercado Livre entraria no lugar da Americanas foi noticiada primeiramente pelo Estadão. Na sequência, a empresa divulgou um comunicado a respeito da participação no programa.

“O Mercado Livre, empresa líder em tecnologia para e-commerce na América Latina, acaba de fechar contrato de patrocínio à edição nº 23 do programa Big Brother Brasil, adquirindo a cota Big. O contrato inclui participação em provas e atividades rotineiras do programa, como festas e ativações pontuais. Mais detalhes sobre o escopo da parceria serão divulgados nos próximos dias”, diz o comunicado.

Posteriormente, a Globo também enviou comunicado sobre a mudança no patrocínio.

“A Globo fica feliz de contar com Mercado Livre no BBB23 e compreende perfeitamente a decisão de Americanas de focar na gestão do negócio nesse momento. Parceiras de longo prazo da Globo, as duas marcas contam com o nosso apoio.”

Cota do BBB tem disputa

De acordo com informações apuradas pela reportagem, assim que a Americanas S.A comunicou à Globo que cancelaria o plano de patrocínio, o departamento comercial da emissora correu para conversar com outros anunciantes para preencher a lacuna.

Por ser um programa de sucesso comercial, que já contabiliza mais de 30 marcas negociadas para essa edição, o BBB não tem problemas em atrair anunciantes interessados.

Além do Mercado Livre, que firmou acordo, o Magalu também apresentou proposta para negociar sua participação no Big Brother. A plataforma de marketplace, contudo, conseguiu fechar o negócio para estar no reality antes da concorrente.

A saída da Americanas provocará uma mudança também na dinâmica do BBB. De acordo com o apurado pela reportagem, a marca seria a patrocinadora da primeira prova da atração, na próxima semana. Com a notícia da desistência, a produção do programa terá de alterar a cenografia que já estava preparada para a prova.

Quanto o Mercado Livre pagará para estar no BBB 23?

A cota Big é o mais valioso espaço comercial do BBB e foi apresentada ao mercado publicitário pela Globo pelo preço de tabela de R$ 105,1 milhões.

O espaço prevê uma grande visibilidade para a marca patrocinadora, com chamadas nas vinhetas diárias, além de patrocínios em provas e festas.

Quais são as 34 marcas presentes no BBB 23?

Com a substituição de Americanas por Mercado Livre, a lista das marcas patrocinadoras do BBB 23 ficou assim:

Cotistas Big:
Mercado Livre, Seara e Stone

Cotistas Camarote:
Amstel, Downy, Pantene e TikTok

Cotistas Brother
Ademicon, Hypera Pharma, McDonald’s, Pague Menos e QuintoAndar

Supermercado
Carrefour

Top de 5 Segundos
Chevrolet e Zé Delivery

Ações e ativações
Always, Braskem, Chilli Beans, Claro, Coca-Cola, Doriana, Dove, Estácio, Nestlé, Oral-B, Óticas Carol, Piraquê, Rexona, Riachuelo, Samsung, Sazon, Sonozzz, Spotify e Vick

Publicidade

Compartilhe

Veja também