O futuro da Mercedes-Benz com o ChatGPT

Buscar
Publicidade

ProXXIma

O futuro da Mercedes-Benz com o ChatGPT

Evandro Bastos, head de produto automóveis, aponta a importância da inteligência artificial na ampliação de ofertas de serviços e funcionalidades aos usuários

Preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem:


22 de novembro de 2023 - 6h30

Basta dizer “Hey Mercedes” para o controle de voz Mercedes-Benz User Experience (MBUX) responder a comandos do usuário, dentro dos veículos da marca. Porém, a partir desde 2023, mudar a estação de rádio ou tirar qualquer dúvida se tornaram atividades ainda mais intuitivas. Desde junho, nos Estados Unidos, mais de 900 mil carros da marca alemã passaram a ser integrados com o ChatGPT.

As descobertas do programa beta serão usadas para aprimorar o assistente de voz e definir a estratégia de implementação para mais idiomas e mercados. “O celular assumiu, há alguns anos, o papel de nosso assistente pessoal e, agora, o automóvel está se tornando um celular sobre rodas”, diz Evandro Bastos, head de produto automóveis da Mercedes-Benz Cars & Vans Brasil. A associação é feita pela Azure OpenAI Service e aproveita os recursos de nível empresarial de nuvem da plataforma de inteligência artificial (IA) da Microsoft.

Evandro Bastos, head de produto automóveis da Mercedes-Benz Cars & Vans Brasil, fala sobre ChatGPT

Evandro Bastos, head de produto automóveis da Mercedes-Benz Cars & Vans Brasil: “A IA vai facilitar a comunicação dos canais de atendimento com os clientes e desempenhará um papel importantíssimo na análise e gerenciamento de redes sociais”

Setor automotivo mira ecossistema digital

Nos próximos anos, explica o executivo, o momento do setor de automóveis em direção ao ecossistema digital ampliará, ainda mais, as possibilidades de ofertas de serviços e funcionalidades aos usuários. “A IA facilitará a comunicação dos canais de atendimento com os clientes e desempenhará um papel importantíssimo na análise e gerenciamento de redes sociais, incluindo até mesmo a geração de conteúdo específico conforme o perfil de cada cliente”, adiciona.

Inteligência artificial e regulamentações

Pesquisa da OLX em parceria com a Mindminers, realizada em julho de 2023 com 300 pessoas que consomem notícias automotivas, aponta que 80% creem que a inteligência artificial contribui para a segurança dos veículos. Para 70% dos entrevistados, essa tecnologia irá dominar o setor em até dez anos.

Na Mercedes-Benz, por exemplo, há protocolos em torno da conexão entre o carro e a internet, por meio de sistemas redundantes – se um deles não performa bem, outro efetua a tarefa. “Assim como essas tecnologias, as regulamentações também precisam evoluir, e rapidamente. É fundamental termos um cenário claro sobre as responsabilidades de cada um nesses novos processos que estão surgindo”, diz.

Ao Meio & Mensagem, Evandro Bastos, head de produto automóveis da Mercedes-Benz Cars & Vans Brasil, aborda o uso da inteligência artificial no setor de carros.

Meio & Mensagem – Como vê o futuro do setor de automóveis integrado a tecnologias conversacionais controladas por inteligência artificial?

Evandro Bastos – Os automóveis sempre foram um meio de facilitar a vida das pessoas, por meio da mobilidade. O objetivo é além de ser um meio de transporte. É desenvolver, de forma mais conectada, o tempo que a pessoa está a bordo dirigindo, via novas funcionalidades que minimizam esforços e que são intuitivas. Nos nossos automóveis, o sistema Mercedes-Benz User Experience (MBUX) permite ativar muitas funções via comandos de voz, seja mudar a estação de rádio ou fechar o teto solar. Nosso objetivo é tornar esse processo ainda mais natural e intuitivo.

O ChatGPT irá complementar o controle de voz existente da Mercedes-Benz com a ativação pelas palavras “Hey Mercedes”, permitindo uma compreensão mais natural da linguagem e expandindo os tópicos aos quais o assistente pode responder. O celular assumiu, há alguns anos, o papel de nosso assistente pessoal e, agora, o automóvel está se tornando um celular sobre rodas. De uma forma geral, o automóvel está, cada vez mais, integrado a sociedade e deixando de ser um apenas um meio de locomoção do ponto A ao B.

Meio & Mensagem – Como o ChatGPT pode ajudar os usuários dos carros?

Bastos – O experimento nos Estados Unidos tem como objetivo entender qual o nível e a forma de interação entre os usuários que nossos automóveis e a internet de uma maneira geral devem seguir no futuro. Queremos entender como podemos transformar o uso de comandos específicos para que os veículos executem as tarefas para um formato que se assemelhe a uma conversa entre duas pessoas. Ainda não temos dados fechados, mas esperamos ter mais novidades sobre o tema em breve.

Meio & Mensagem – Quais cuidados estão sendo tomados pela indústria, em relação ao uso de inteligência artificial, 5G e IoT?

Bastos – Segurança é um tema essencial para nossa marca. Um exemplo prático: desde 2022, somos a primeira marca de luxo a ter um sistema de condução autônoma nível SAE 3 homologado para vendas na Alemanha e nos Estados Unidos (na California e em Nevada). O sistema, chamado Drive Pilot, permite que o automóvel tome o controle 100% da condução em determinadas situações. E o que fazemos para evitar que, como nos filmes de Hollywood, alguém tome o controle a distância?

Além dos protocolos máximos de segurança na conexão entre o veículo e a internet, diversos sistemas são redundantes, assim, se um deles não performa de forma correta, o sistema redundante efetua a tarefa com toda a segurança para os ocupantes. Assim como essas tecnologias, as regulamentações também precisam evoluir, e rapidamente. É fundamental termos um cenário claro sobre as responsabilidades de cada um nesses novos processos que estão surgindo.

Meio & Mensagem – O deep learning já é uma realidade na indústria brasileira de veículos?

Bastos – Esse tipo de ferramenta já é utilizado em cerca de 30 fábricas de nossa marca, em vários países. O conceito de aprendizagem contínua com os processos gerados pela inteligência artificial é um caminho já em aplicação para otimizar toda a cadeia de produção. Desenvolvemos o Mercedes-Benz Cars Operations MO360.

Esse sistema digital foi criado em conjunto com diversos parceiros, entre eles a Microsoft, que trazem desde serviços de cloud até inteligência artificial de última geração, visando desde melhorar o aproveitamento de materiais e até sermos mais produtivos. Se um funcionário tem uma dúvida específica ou uma situação incomum, por meio da interação com um sistema de IA, ele compartilha a situação e recebe sugestões de como seguir em frente. Tudo online e digital.

Meio & Mensagem – Qual a importância de unir o trabalho das áreas comunicação e marketing com o setor de tecnologia?
Bastos – Os automóveis já estão começando uma integração ao ecossistema digital que vivemos hoje e esse movimento só vai crescer nos próximos anos, ampliando as possibilidades de oferta de serviços e funcionalidades aos usuários, o que certamente será muito explorado pelas áreas de marketing dos fabricantes. Além disso, a IA vai facilitar a comunicação dos canais de atendimento com os clientes e desempenhará um papel importantíssimo na análise e gerenciamento de redes sociais, incluindo até mesmo a geração de conteúdo específico conforme o perfil de cada cliente.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Equativ e Retargetly formam aliança estratégica

    Equativ e Retargetly formam aliança estratégica

    Anunciantes que usam a plataforma da Equativ terão acesso aos dados de mais de 380 milhões consumidores na AL

  • Singularity University apresenta 24 tendências de tecnologia

    Singularity University apresenta 24 tendências de tecnologia

    Levantamento foi realizado em parceria com o Learning Village, do Grupo HSM