Os dez profissionais do marketing em 2015

Buscar

Marketing

Publicidade

Os dez profissionais do marketing em 2015

Conheça os executivos que tiveram atuação relevante e se destacaram no marketing ao longo deste ano


21 de dezembro de 2015 - 10h28

Alexandre Guerra iniciou sua trajetória na área de gestão em 1998 no próprio grupo Giraffas. Depois de uma passagem pelo Banco Fator, retornou à rede de lanchonetes em 2005 como gerente financeiro, foi promovido a diretor da área e, em 2013, assumiu a presidência do grupo substituindo Carlos Guerra, seu pai e fundador da bandeira. Nesse período, foi responsável por conduzir o processo de reestruturação da empresa, que adotou o conceito de fast casual (com atendimento de fast-food e serviço de um restaurante) e desenhou um modelo de loja mais enxuto para operar em cidades de até cem mil habitantes. Com faturamento de R$ 900 milhões em 2014 e mais de 400 unidades espalhadas por 150 cidades, a quarta maior rede de restaurantes do Brasil iniciou sua expansão internacional em 2011 nos Estados Unidos, onde possui 11 lojas e tem como meta chegar a 150 em cinco anos. No desafio de internacionalização, a marca criada em 1981 em Brasília entrou no diálogo dos concorrentes Burger King e McDonald’s em torno do “Peace Day Burger”, em setembro. Após a recusa da rede de Ronald McDonald de criar o McWhopper, o Giraffas se juntou ao Burger King, Denny, Wayback e Krystal para criar o sanduíche da paz, distribuído gratuitamente numa pop-up store em Atlanta nos EUA dia 21 do mesmo mês. Com custo zero, Giraffas gerou uma repercussão imensa para sua marca. 

wraps

Há nove anos no Grupo Telefónica, Christian Gebara ocupou cargos na Telefónica Espanha e Telefónica América Latina, onde atuou como diretor regional de qualidade, até assumir, em outubro de 2010, a função de vice-presidente de sinergias, integração e novos negócios no Brasil. Três anos depois, tornou-se vice-presidente de marketing e vendas até que, em julho deste ano, teve um novo upgrade em sua carreira — e responsabilidades — ao ser alçado ao posto de vice-presidente executivo, sob o título de chief revenue officer. Antes responsável pela área de negócios móveis da companhia, desde então passou a responder também pela rede fixa de pessoas físicas e jurídicas. As novas atribuições do executivo abarcam as áreas de marketing, produtos, canais digitais, marca, inovação e big data, assim como coordenação do trabalho das forças de venda diretas e indiretas da empresa. O executivo atuou na integração operacional entre Telefônica e Vivo, lançamento e expansão da rede 4G e ajudou a elevar em 4,7% o market share entre clientes pós-pagos, abrindo vantagem de quase 20% sobre a segunda colocada. A Vivo atingiu valor de marca de US$ 2,6 bilhões. Gebara é formado em Administração pela FGV-SP e tem MBA em Stanford. 

wraps

O executivo já foi sócio de uma empresa, a Reunion Sports, passou a maior parte de sua carreira trabalhando em agências de publicidade e mudou, em 2012, para o lado dos anunciantes ao entrar para a Mitsubishi. Na companhia, fez um trabalho diferenciado que rendeu, inclusive, sua indicação ao prêmio Caboré como Profissional de Marketing este ano. Em 18 anos de carreira publicitária passou por Africa, Neogama, Leo Burnett e Loducca. A influência desse período é tanta que ele atribuiu a indicação ao principal prêmio da indústria de comunicação ao trabalho que sua equipe e parceiros fazem e às amizades construídas em agências, produtoras e veículos, ao longo dos anos. Mas o fato é que Julianelli soube orquestrar essa rede de relacionamentos em direção a uma comunicação diferenciada à Mitsubishi, em que a criatividade é um dos pilares da construção de marca. O diretor de marketing também privilegiou o entendimento do consumidor local e fez a companhia criar aqui campanhas e experiências de marca específicas para o cliente brasileiro. 

wraps

Depois de 19 anos na P&G, onde atuou também nos Estados Unidos e México, José Cirilo migrou para a Johnson & Johnson, como diretor de marketing, em um momento importante no qual a companhia havia assumido o patrocínio à Copa do Mundo. Além de acompanhar todas as ativações das marcas envolvidas, teve, este ano, o desafio de ampliar a distribuição dos produtos, atingindo, além de pontos relevantes, como as redes de drogarias, o pequeno e médio varejo. A J&J também ganhou um concorrente de peso com a entrada da Unilever no segmento de produtos para bebês, com Baby Dove, mas sob a batuta de Cirilo no mar¬keting, a J&J conseguiu manter sua liderança e share. Outras marcas também tiveram destaque, como a de dermocosméticos Roc e a Neutrogena, que inovaram em protetores solares em uma versão inédita: mousse. Neutrogena cresceu entre 70% e 80% nos últimos dois anos. Irreverente, Cirilo afirma que sempre quis ganhar um Leão em Cannes, mas que no seu dia a dia o que ele busca mesmo é marketing que o consumidor comente.
 

wraps

Depois de quase oito anos atuando na operação brasileira da Nestlé, onde ingressou em 2008 como diretora da unidade de cafés e respondeu até recentemente pela diretoria de marketing e comunicação, Lilian Miranda foi promovida, em junho, a gerente de operações da empresa para a América do Sul, posto que assumiu na sede da companhia suí¬ça em Vevey. Graduada em administração, pós-graduada em marketing e com MBA executivo internacional, Lilian foi responsável pelo lançamento nacional de Nescafé Dolce Gusto, atual líder no segmento de cápsulas multibebidas, pelo desenvolvimento do novo modelo de atuação de marketing e comunicação e pela redefinição estratégica da área de Public Affairs da Nestlé Brasil. Com a experiência de ter atuado nos setores de varejo e food service em companhias como Bunge, Sara Lee e Parmalat, a executiva também teve como desafio manter as posições de liderança e inovar um portfólio que inclui marcas variadas como Kit Kat, Maggi, Moça, Molico, Nescau, Nesfit, Ninho, Perrier e Purina. 

wraps

A disciplina adquirida no balé clássico — ela foi bailarina do Municipal do Rio de Janeiro por cinco anos — foi transferida para o mundo dos negócios, onde Livia Marquez tem se destacado há também cinco anos na TIM. No cargo de diretora de advertising & brand management, Livia é responsável pela idealização e realização das campanhas da operadora, gestão de marca e da identidade corporativa da companhia. Tem sob seu comando 50 pessoas, além de diversas agências. Entre os trabalhos em destaque, nesse período, estão o primeiro comercial transmitido pela rede 4G, o reposicionamento da comunicação com foco na qualidade, sob o mote “Trem azul”, e as ações mais recentes enfatizando fatores como mobilidade e potencialização, tratados sob a assinatura “Abra a porta azul e entre em um mundo sem fronteiras”. No digital, chamou a atenção a plataforma TIM beta, desenvolvida por jovens por meio de crowdsourcing e a ação “WhatsAppeando sem parar”, em que o público podia mandar mensagens durante o espetáculo dos Barbixas, interferindo em tempo real na peça. Durante o período em que Livia está à frente do marketing, a TIM dobrou seu valor de mercado e aumentou em 20 milhões de pessoas sua base de clientes, atingindo a liderança em pré-pagos. Todos esses feitos também lhe renderam uma indicação a Profissional de Marketing no Prêmio Caboré 2015. 

wraps

Há três anos e meio no cargo de vice-¬presidente de home care da Unilever no Brasil, responsável por marcas como Ala, Brilhante, Cif, Comfort, Fofo, Omo, Sun, Surf e Vim, o argentino Marcos Angelini assumiu em agosto passado dois novos postos: vice-presidente regional de home care para a América Latina e vice-presidente global da marca Omo — neste último caso se reportando à brasileira Aline Santos, vice-presidente sênior global de Omo. Graduado em Engenharia Industrial pelo Instituto de Tecnologia de Buenos Aires (ITBA) e MBA pela Durham University Business School (no Reino Unido), Angelini está na Unilever desde 1995, tendo atuado em países como Itália, Reino Unido, Estados Unidos, França e Turquia, além de sua terra natal. Ao longo de 2015, sua divisão apresentou novidades aos consumidores como a primeira versão líquida do detergente para roupas Ala, os novos tamanhos de embalagens das linhas de amaciantes Comfort e Fofo, e a linha Especialista da marca de limpadores Cif. O argentino, que continuou morando no Brasil nas novas posições, também é presidente da Associação Brasileira de Produtos de Limpeza (Abipla). 

wraps

Com uma trajetória de 14 anos na Ambev, desempenhando funções como diretora de marketing de Brahma, Antarctica e de portfólio premium no Brasil, e de diretora global de insights, Paula Lindenberg se tornou em março deste ano a primeira mulher a ocupar o posto de vice-¬presidente de marketing da companhia, substituindo Pedro Earp, que foi promovido a chief disruptive growth officer da AB InBev. A profissional também foi homenageada neste ano com uma placa de Women to Watch, iniciativa criada pelo Advertising Age para destacar as mulheres que vem fazendo a diferença na indústria e realizada no Brasil pelo Meio & Mensagem. Formada em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e com MBA Corporativo da Ambev, Paula fez estágio na Johnson & John¬son, trainee na Unilever e atuou dois anos na Philip Morris antes de ingressar na Ambev, em 2001. Na multinacional de bebidas teve a oportunidade de levar um olhar mais feminino à comunicação de um produto tão atrelado aos homens em cargos de marketing e insights no Brasil, no Equador e nos Estados Unidos. 

wraps

Da matriz para a operação brasileira da P&G, companhia na qual atua há 16 anos, a executiva tem desde agosto de 2015 uma nova missão. Poliana Sousa substituiu Gabriela Onofre (que foi para a concorrente J&J) no cargo de diretora de comunicação e mídia da P&G Brasil. A mudança aconteceu em um momento em que a P&G está a todo vapor nos preparativos para as ativações do patrocínio aos Jogos Olímpicos Rio 2016. No novo cargo, a executiva será responsável pelo patrocínio olímpico e também pelas áreas de comunicação, mídia e marca corporativa. Poliana esteve por trás de algumas das iniciativas de marketing da P&G que mais chamaram a atenção, como a transformação da loiríssima Xuxa em morena, com Kollestone, e a façanha de Gillette de tirar a barba do cantor Bell Marques, da banda Chiclete com Banana. Poliana iniciou a carreira na sede da P&G, em Cincinatti, na área de inteligência, como analista de marketing. Também atuou em Porto Rico e em toda sua trajetória já passou por diversas áreas e quase todas as categorias de produtos da multinacional. A executiva é formada em administração de empresas pela Iowa¬ State¬ University e tem MBA em marketing pela Xavier University, ambas nos Estados Unidos. 

wraps

Formada em comunicação social e com MBA em varejo, Sylvia Leão foi contratada como diretora de marketing do Carrefour em fevereiro após uma passagem de dois pela BRF, onde respondeu como vice-presidente de marketing e inovação. Com o histórico de ter trabalhado também para os concorrentes Pão de Açúcar e Walmart, Sylvia chegou à companhia em meio às comemorações dos 40 anos da marca no Brasil, e logo assumiu o posto de vice-presidente de marketing e gestão de gente. Seu desafio foi dar continuidade à trajetória de retomada da companhia, iniciada em 2013. Esse processo teve como ápice a volta à liderança do varejo de alimentos, em abril. Com um faturamento de R$ 37,9 bilhões em 2014, o Carrefour inaugurou nos primeiros nove meses deste ano 32 lojas nos modelos Hipermercados, Nova Geração, Express e Atacadão. Em 2014, a executiva foi selecionada para a lista Women to Watch, iniciativa criada pelo Advertising Age para destacar as mulheres que vem fazendo a diferença na indústria e realizada no Brasil pelo Meio & Mensagem.

Por Fernando Murad e Roseani Rocha
 

wraps

Publicidade

Compartilhe