Coronavírus e o futuro do trabalho: o depois é agora

Buscar

Opinião

Publicidade

Coronavírus e o futuro do trabalho: o depois é agora

Uma das características do profissional do futuro é a flexibilidade no trabalho, permitindo o anywhere office, ou seja, poder trabalhar de qualquer lugar, a qualquer hora e em qualquer dispositivo


18 de março de 2020 - 18h07

(Crédito: Nuthawut Somsuk/iStock)

Hoje, todas as empresas estão passando pela mesma situação. Todas estão trabalhando para diminuir a chance de disseminar a Covid-19 para as pessoas que apresentam alguma vulnerabilidade, e proteger ao máximo todos os seus colaboradores. Todas estão precisando de formas diferentes e mais radicais de operar do que um cenário comum.

Com isso, é hora de saber se estamos preparados para o futuro do trabalho que, ao meu ver tem a ver com criar e manter uma organização operando em alta performance, adaptável e engajada onde todos os colaboradores são empoderados para se desenvolver, resolver problemas, atender os clientes e colocar suas ideias em prática.

Ser capaz de se adaptar rapidamente é o que estamos vivendo e algumas tendências do futuro do trabalho, como novos comportamentos, tecnologias e mobilidade, foram colocadas em prática. Agora, o maior desafio que temos é colocar nossas empresas para operar com a grande maioria do pessoal trabalhando no modelo home office e, isso só será possível se a empresa tiver o ambiente e a tecnologia que suportem este cenário. É hora de tudo estar em nuvem e todos os colaboradores conectados em suas residências.

Uma das características do profissional do futuro é a flexibilidade no trabalho, permitindo o anywhere office, ou seja, poder trabalhar de qualquer lugar, a qualquer hora e em qualquer dispositivo. A comunicação e a colaboração têm que estar na veia de todos. Entender de tecnologia não é apenas para a área de TI, é uma competência que deve estar presente em toda a liderança. Ser digital é uma mentalidade que deve estar presente na estratégia de toda a companhia.

Tenho confiança que vamos atravessar esse momento desafiador trabalhando em equipe, com disciplina e com novos modelos de gestão rapidamente instalados. No final, estaremos fortalecidos e ainda mais preparados para o futuro que chega em uma velocidade cada vez mais alucinante. Temos que nos antecipar, não dá pra ficar de bobeira deixando para depois. O depois é agora.

Klaus Schwab, autor do livro “A quarta revolução industrial”, disse: “estamos a bordo de uma revolução tecnológica que transformará fundamentalmente a forma como vivemos, trabalhamos e nos relacionamos. Em sua escala, alcance e complexidade, a transformação será diferente de qualquer coisa que o ser humano tenha experimentado antes”. Qualquer semelhança com a realidade, será que é mera coincidência?

**Crédito da imagem no topo: Rapeepon Boonsongsuwan/iStock

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • tecnologia

  • futuro

  • trabalho

  • Home-office

  • colaborador

  • coronavírus

  • covid-19

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”