O que as empresas exigirão dos profissionais de marketing?

Buscar

O que as empresas exigirão dos profissionais de marketing?

Buscar
Publicidade

Marketing

O que as empresas exigirão dos profissionais de marketing?

Estudo elaborado pela Totvs aponta que conhecimento de inteligência artificial deve ser a habilidade mais buscada nos próximos anos


11 de janeiro de 2024 - 14h51

Estudo avaliou como os profissionais de marketing entendem o futuro do segmento (Crédito: sikov / adobestock)

Estudo avaliou como os profissionais de marketing entendem o futuro do segmento (Crédito: sikov / adobestock)

A pesquisa “Panorama das Carreiras 2030: o que esperar das profissões até o final da década?”, elaborada pela Totvs em parceria com a H2R Insights e Trends apresentou alguns apontamentos sobre o que esperar de algumas profissões até o final desta década.

Os dados demonstram que, para os profissionais de marketing e vendas, conhecimento em Inteligência Artificial (39%) será a principal hard skill para os próximos cinco anos.

Além disso, 36% dos respondentes desse segmento afirmam que a inteligência emocional, seguido pelo pensamento analítico e crítico (35%), será a principal soft skill para trabalhar na área.

O estudo avaliou, ainda, quais as habilidades precisavam, do ponto de vista dos respondentes, ser desenvolvidas. 75% destacaram ao menos uma hard skill, enquanto 38% pelo menos uma soft skill.

A Totvs contou com 477 participantes do Universo Totvs 2023. Dentre esses, 15% eram do segmento de Marketing e Vendas.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Ypê reforça atuação na categoria de cuidados pessoais

    Ypê reforça atuação na categoria de cuidados pessoais

    Com aumento de investimentos e portfólio de marcas, área de cuidados pessoais da Ypê se tornou uma unidade de negócio em 2023

  • Feriado holandês vira tema de ativação da Amstel em São Paulo

    Feriado holandês vira tema de ativação da Amstel em São Paulo

    Marca de cervejas homenageará o King's Day em ativações na balsa do Rio Pinheiros, em São Paulo, com acesso gratuito durante dois finais de semana