IA lidera como tecnologia entre startups na América Latina

Buscar
Publicidade

Notícias

IA lidera como tecnologia entre startups na América Latina

Estudo da Distrito aponta a IA como a tecnologia com maior representatividade entre os players da indústria de inovação

Preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem:


27 de junho de 2024 - 6h03

"A IA tem grande impacto na análise de dados em escala e na automação de tarefas, ajudando impulsionar a inovação e a criatividade”, afirma o CTO da V4, Daniel Peralles

“A IA tem grande impacto na análise de dados em escala e na automação de tarefas, ajudando impulsionar a inovação e a criatividade”, afirma o CTO da V4, Daniel Peralles (Crédito: Divulgação)

Pesquisa indica a inteligência artificial (IA) como tecnologia de destaque na América Latina.

Assim, estudo realizado pelo Distrito aponta a IA como a tecnologia com maior representatividade entre os players da indústria de inovação.

Dessa forma, no total, 1.005 startups foram mapeadas na região.

Os dados integram o Emerging Tech Report 2024, pesquisa lançada no evento CIO Emerging Tech Summit 2024.

Entre as outras ferramentas analisadas no material que impactam as corporações estão a realidade simulada, robótica, baterias, IoT (internet das coisas), 5G e visão computacional avançada. Também estão na lista o digital trust, edge computing, blockchain, metaverso, genômica, digital twins, impressão 3D, biomateriais, proteínas alternativas, agricultura regenerativa, dataficação e novos tipos de materiais avançados.

Experiência do cliente

“A partir do fornecimento de informações personalizadas e relevantes sobre produtos e serviços na hora certa, as tecnologias apontadas no report podem ser utilizadas para melhorar a experiência do cliente”, destaca Daniel Peralles, chief technology officer da V4 Company

Além disso, o executivo menciona o oferecimento de experiências imersivas que auxiliam o cliente a se conectar emocionalmente com o produto ou serviço. A criação de comunidades online também podem permitam interações com outros consumidores, para obter feedback e recomendações.

Assim, das 2.252 startups do segmento de tecnologias emergentes ativas na América Latina apresentadas na pesquisa, 71,85% estão no Brasil.  Seguidas pelo México e Argentina, com 7,8% e 6,1%, respectivamente.

Portanto, essas tecnologias são aplicadas em diferentes setores do ecossistema de inovação brasileiro.

A DeepTech lidera com 14,3% das soluções desenvolvidas pelas startups mapeadas, seguida por MarTech (10,3%), FinTech (9,7%) e HealthTech (8,3%).

Protagonismo nas startups latino-americanas

Dessa forma, a IA lidera o ranking de tecnologia usada nas startups da região, com investimentos de US$ 196,6 bilhões em 2023 na América Latina.

Isso se traduz em taxa de crescimento anual composta (CAGR) de 36,6% entre 2024 e 2030.

O CTO da V4 Company esclarece que a IA lidera por transformar negócios e indústrias, tornando-os mais escaláveis, eficientes e competitivos. “A IA tem grande impacto na análise de dados em escala e na automação de tarefas, ajudando impulsionar a inovação e a criatividade”, diz.

O profissional reforça que a IA revoluciona o marketing digital, auxiliando empresas a definir estratégias mais eficazes com base em dados de audiência e engajamento.

“A personalização de campanhas e a otimização de equipes estão mais frequentes, permitindo que os profissionais se concentrem em atividades mais críticas e criativas”, completa.

Experiências personalizadas

As empresas e startups recorrem à tecnologia principalmente para criar experiências mais personalizadas para seus clientes e oferecer suporte e agilidade em tarefas rotineiras.

Como estratégias de marketing adotadas, Peralles cita o uso de algoritmos de aprendizado automático para desenvolver conteúdo personalizado e eficaz; redes neurais para melhorar a detecção de padrões de comportamento nos dados de clientes; e desenvolvimento de chatbots mais inteligentes para atender às necessidades dos clientes de forma contextualizada.

Victor Harano, gerente de research do Distrito, atribui a queda nos investimentos em startups de IA entre 2021 e 2024 ao ajuste pós-alta de 2021.

Assim, O entusiasmo por tecnologias emergentes e a busca por novas oportunidades pós-pandemia marcaram o momento.

“A partir de 2022, houve retração significativa nos investimentos, atribuída à fase de reavaliação do mercado, onde os investidores se tornaram mais cautelosos e seletivos, adaptando-se às novas realidades econômicas pós-pandemia”, ressalta Harano.

Dessa forma, o cenário resultou em desaceleração mais acentuada no ano de 2023, “além da influência de fatores econômicos globais, como inflação, mudanças nas políticas monetárias e tensões geopolíticas, que afetaram a disposição dos investidores em assumir riscos”, acrescenta.

Ainda, o gerente de research da plataforma observa que novas startups investem em potenciais de mercado na IA ainda não explorados. Por isso, o volume caiu como um todo.

Próximos passos da GenAI

A pesquisa do Distrito indica como possíveis tendências da IA generativa (GenAI) a democratização da tecnologia, tornando as soluções mais acessíveis e personalizadas; o surgimento de vulnerabilidades, necessitando evolução na segurança cibernética; a proliferação de deepfakes e necessidade de regulamentação e conscientização pública; e o uso de técnicas como LoRA e quantização para facilitar a criação de modelos de IA customizados.

Contudo, sobre os impactos sociais, o material mostra a transformação do ambiente de trabalho, com automatização de tarefas repetitivas e surgimento de novos empregos e indústrias.

Também cita o desenvolvimento de leis abrangentes, especialmente na União Europeia, e crescente conscientização sobre a ética no uso de IA.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Como as redes sociais podem contribuir na conversão do e-commerce?

    Como as redes sociais podem contribuir na conversão do e-commerce?

    Levantamento da Nuvemshop aponta maior interferência das redes sociais na venda direta de produtos online no primeiro semestre

  • Pipeline Capital lança concurso para startups de GenAI Commerce

    Pipeline Capital lança concurso para startups de GenAI Commerce

    Iniciativa visa reconhecer IA como elemento acelerador do crescimento das empresas na área de varejo e e-commerce no Brasil