Carrefour pode ser vendido a grupo canadense

Buscar

Marketing

Publicidade

Carrefour pode ser vendido a grupo canadense

Proposta da Alimentation Couche-Tard, dona da rede Circle K, fez ações do grupo francês subirem 10,4% na Bolsa de Paris


13 de janeiro de 2021 - 15h07

Flagship da rede francesa em São Paulo (Crédito: divulgação)

Na terça-feira, 12, a agência Bloomberg anunciou que o Grupo Carrefour teria recebido uma proposta de compra por parte do grupo canadense Alimentation Couche-Tard, dono da rede Circle K, que possui cerca de 15 mil lojas distribuídas entre Canadá, EUA, México e países da Europa.

Entre terça e a manhã de hoje, o Carrefour divulgou um sintético comunicado, em que diz: “O Carrefour foi abordado, de maneira amistosa, pelo grupo Alimentation Couche-Tard, com um projeto de combinação. As discussões são muito preliminares”. O Couche-Tard, por sua vez, ressaltou que os termos ainda estão em discussão e não há nada definido quanto ao fato de essas discussões resultarem em algum acordo ou transação.

Segundo a Bloomberg, o grupo Couche-Tard teria oferecido 20 euros por ação, o que faria o Carrefour valer 16 bilhões de euros, excluído sua dívida. Segundo o jornal francês Le Monde, já na abertura das operações da Bolsa de Paris, nesta quarta-feira, as ações do Carrefour deram um salto de 10,4%.

Publicidade

Compartilhe