Futebol 2022 da Globo garante sete patrocinadores

Buscar

Mídia

Publicidade

Futebol 2022 da Globo garante sete patrocinadores

Chevrolet (General Motors), Itaipava (Grupo Petrópolis), Hypera Pharma, Itaú e Vivo renovam a parceria; Amazon e Sportingbet entram no pacote

Bárbara Sacchitiello
11 de novembro de 2021 - 19h47

(Crédito: Silvio Avila/Getty Images)

Atualizada às 21h04

A Globo terá mais patrocinadores em seu futebol a partir de 2022. O pacote comercial dos jogos, que envolve o Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil, terão o patrocínio de sete anunciantes, de acordo com informações obtidas pela reportagem de Meio & Mensagem. Até 2021 – e ao longo dos últimos anos – a Globo negociava seis cotas de patrocínio.

Pouco depois das 20h, durante a edição desta quinta-feira, 11, do Jornal Nacional, a Globo anunciou os parceiros do pacote de futebol 2022, confirmando as mesmas marcas antecipadas pela reportagem de Meio & Mensagem.

Dos seis atuais patrocinadores, cinco renovaram com a emissora: Chevrolet (General Motors), Itaipava (Grupo Petrópolis), Hypera Pharma, Itaú e Vivo. O único cotista que não renovou o pacote foi a Via, que exibia nos jogos as marcas Casas Bahia e Ponto Frio.

No lugar da Via, a Globo fechou acordo com a Amazon que, pela primeira vez, estará no futebol da emissora. A sétima cota de patrocínio foi negociada com a Sportingbet. A plataforma de apostas já é patrocinadora dos jogos das Eliminatória da Copa, transmitidos pela Globo, e também patrocinou exibições de jogos no SporTV.

Segundo informações apuradas pela reportagem, a emissora ainda estava conversando com anunciantes sobre a possibilidade de incluir uma oitava cota de patrocínio, mas o pacote acabou sendo fechado com sete patrocinadores.

Menos jogos

O pacote comercial do futebol 2022 da Globo terá menos partidas do que o oferecido neste ano. A empresa não é mais a detentora do Campeonato Paulista, que passará a ser exibido pela Record TV no próximo ano. A Libertadores da América, que representava uma importante parte do pacote, também não faz mais parte das transmissões da emissora.

Em 2021, por cada uma das seis cotas de patrocínio do pacote do futebol, a Globo pediu o valor (de tabela) de R$ 307 milhões. Para tentar conservar o mesmo investimento dos anunciantes no próximo ano, a emissora flexibilizou algumas entregas aos patrocinadores. Além da inserção nas transmissões e em todo o conteúdo que envolva o futebol, os patrocinadores também poderão ter a possibilidade de veicular suas marcas em outros produtos da grade.

Publicidade

Compartilhe