Instagram X Snapchat: a batalha da vez

Buscar
Publicidade

Opinião

Instagram X Snapchat: a batalha da vez

Novas possibilidades para as marcas se aventurarem no formato de vídeos curtos com prazo predeterminado para expirar


3 de agosto de 2016 - 17h02

A notícia do lançamento do Instagram Stories, divulgada ontem, definitivamente abalou a internet. A possibilidade de publicar vídeos que ficam disponíveis por apenas 24 horas no Instagram dividiu opiniões e deu margem a diversos questionamentos. Estaria o Instagram copiando na cara dura o Snapchat?

Kevin Systrom, CEO do Instagram, já admitiu que o Instagram Stories foi inspirado no formato criado pelo Snapchat. Porém, afirma que, assim como o LinkedIn e o Twitter aderiram ao formato de timeline criado pelo Facebook de uma maneira singular, os vídeos no Instagram se adaptarão à plataforma. Eu, particularmente, gosto da peculiaridade de cada rede social, seus formatos e formas de uso e confesso que essa notícia me causou um certo estranhamento.

Independente de gostar ou não, vejo que esta funcionalidade traz novas possibilidades para as marcas se aventurarem no formato de vídeos curtos com prazo predeterminado para expirar. Não há dúvidas de que um dos maiores desafios no Snapchat é atrair a audiência para o canal da sua marca, por isso tantas empresas fazem ações com influenciadores em que eles utilizam seus perfis pessoais para cobrir eventos e lançamentos ou fazem o tão comum take over do perfil da marca. Mas essas são ações apenas pontuais; quando falamos do dia a dia da marca, o desafio se torna ainda maior. Com o Instagram Stories, o cenário é outro, as pessoas que seguem o seu perfil já são a sua audiência e têm acesso a todos os vídeos publicados.

Outro desafio abordado, inclusive na matéria de capa do Meio & Mensagem desta semana, é a dificuldade de mensurar as ações realizadas no Snapchat. A falta de métricas faz com que as ações se tornem mais efêmeras e dificulta justificar o investimento na plataforma. O próprio Instagram tem avançado nas questões de métricas nos últimos tempos e mostrado um interesse em aprimorar esta funcionalidade tão importante para atrair e reter investimentos. Como este é um assunto recorrente quando se fala de Snapchat, imagino (e espero) que eles saibam o quanto o mercado de comunicação espera e precisa de métricas mais concretas e que já estejam trabalhando para se antecipar a esta necessidade.

Fato é que um dia é muito pouco para avaliar todos os possíveis desdobramentos e impactos do Instagram Stories no cenário das redes sociais. O que eu vejo é uma oportunidade para as marcas de desenvolver conteúdo em um outro formato para uma audiência que já acompanha suas publicações e está interessada no que ela tem a dizer.

Como fazer isso? Teremos que usar de nossa criatividade, testar diferentes abordagens, até encontrar qual funciona melhor para a sua audiência. Porém, assim como quase tudo na comunicação, não existirá uma fórmula exata. O segredo é entender o seu público, como ele se comporta e quais são suas expectativas.

 

 

Publicidade

Compartilhe

Veja também