Criação de um ecossistema de influenciadores

Buscar

Opinião

Publicidade

Criação de um ecossistema de influenciadores

Eles se tornaram uma força para moldar a opinião de clientes e os padrões de compra; o desafio para as marcas é identificar personalidades adequadas que se alinhem a seu público


17 de setembro de 2019 - 16h41

 

(Crédito: Venimo/istock)

Os influenciadores se tornaram uma força para moldar a opinião de clientes e os padrões de compra em diferentes setores. O desafio para as marcas é identificar personalidades adequadas que se alinhem a seu público.

Os influenciadores certos podem efetivamente incentivar narradores para os valores da sua marca. Antes de se envolver com influenciadores, identifique claramente os valores da marca para que possa encontrar uma forma autêntica para todas as partes comunicarem claramente sua visão. Para envolver um público-alvo maior, trabalhe com os influenciadores de uma maneira em que você esteja operando ao lado deles como parceiros, em vez de eles simplesmente recitarem uma lista completa de pontos de discussão. Construa o tipo e tom do conteúdo, do público-alvo e das informações demográficas, tendo uma boa ideia de quais canais funcionarão melhor. Os influenciadores precisam de uma direção clara e de liberdade para darem seu toque pessoal a fim de parecerem uma extensão natural do espírito e da mensagem da marca.

Direcione
Há muitos influenciadores para escolher, então, antes de o processo de seleção se tornar incontrolável, considere o público, a geografia, a estratégia de canal e o conteúdo que deseja atingir ao analisar suas opções. É importante considerar que os influenciadores trabalham com diferentes marcas. Portanto, analise outros patrocínios que o influenciador escolhido já tem. É importante estar ciente de outros trabalhos que ele esteja fazendo que possam aparecer no mesmo período do seu projeto para evitar possíveis conflitos, confusão ou problemas de supersaturação.

Fale a linguagem certa
Os influenciadores se conectam a seus seguidores criando conteúdo que inspire e com o qual o público se relacione. Seja um nome importante com milhões de seguidores ou um pequeno influenciador com apenas algumas centenas, o objetivo é criar um vínculo direto com o público-alvo.

Não se esqueça de que você decidiu trabalhar com esses influenciadores por um motivo. Não estrague isso no processo criativo. Deve haver uma direção clara, mas deixe o influenciador usar a própria voz, criatividade e experiência. Você pode contratar qualquer um para ler em frente à câmera, mas está procurando uma voz autêntica, então, confie nessa autenticidade. Trabalhe com o influenciador (e, algumas vezes, com a equipe dele) para ver o que ele cria. Ele sabe o que funciona para o público dele. Se um público perceber que está recebendo algo forçado, poderá ter uma reação negativa em relação à marca. Ninguém quer isso.

Escolha cada influenciador considerando alguns fatores-chave: alcance social, afinidade com a marca, desenvolvimento do conteúdo, relevância, público e personalidade. Seguir essa lista de verificação ajuda a permanecer consistente e permite parcerias mais estratégicas ao trabalhar com vários influenciadores ao redor do mundo.

Escolha as pessoas certas
Os clientes são influenciados e inspirados por pessoas em quem confiam. Bom conteúdo deve ser algo que começa com uma conversa. Como há muita concorrência, garanta que as pessoas vejam o conteúdo e pensem: “Adorei isso. Vou compartilhar!”

Uma maneira de fazer isso é unir seus clientes diretamente com os influenciadores. Essa receita permite que os talentos dos usuários se beneficiem da força do influenciador e se ajustem à narrativa da marca. Escolha pessoas com química para facilitar a conexão, o que garante que a mensagem seja autêntica e beneficie facilmente todas as partes. Novamente, confie na experiência. Tenha conversas e trocas de ideias que envolvam clientes e influenciadores. As empresas aproximam os influenciadores por vários caminhos, como conferências específicas de comércio, vídeos direcionados e programação experimental. Isso está se tornando mais aparente em vendas, onde as equipes estão encontrando micro influenciadores que podem ajudá-las a adquirir novos clientes com eventos promocionais.

Esses programas removem o discurso de vendas da conversa e criam um meio para que as pessoas vejam quem admiram se envolvendo diretamente com as comunidades e as marcas. Isso demonstra autenticidade e cria confiança na marca entre os clientes.

Tudo sobre a marca
Ao alinhar micro e macro influenciadores, as marcas podem desenvolver um ecossistema que cria autenticidade, envolve clientes principais e atinge novos públicos.

Ou experimentar e unir clientes de sucesso com influenciadores para oferecer a todos a chance de brilhar. No final, isso demonstra exatamente o que você pode conquistar com marketing de influenciadores inspiradores, conectando todos os elementos para uma grande conquista de marca.

Ao desenvolver um ecossistema que aproveita novos clientes em potencial através de públicos principais, as marcas conseguem encontrar clientes em potencial que se alinham aos negócios e aprender mais sobre a repercussão da marca. Isso cria um alinhamento que se espalha de maneira confiável, com as pessoas proeminentes na comunidade corroborando a marca ou o produto e, assim, criando o tipo de envolvimento que os profissionais de marketing buscam.

**Crédito da imagem no topo: Reprodução

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Criação

  • marketing

  • Conteúdo

  • Influenciadores

  • Parcerias

  • marcas

  • Clientes

  • narrativa

  • relevância

  • público

  • Personalidades

  • Inspiração

  • conversa

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”