Vuca exponencial

Buscar

Opinião

Publicidade

Vuca exponencial

É um novo jeito de pensar, mas é um novo modus vivendi que muda relações, transforma processos e vivências


19 de março de 2020 - 14h00

(Crédito: Mind and I/ iStock)

Se o mundo já estava Vuca, agora está exponencialmente mais volátil, incerto, complexo e ambíguo. Vuca à enésima potência em todas as suas dimensões. Pela primeira vez na história da humanidade, um evento abrange todos os povos do mundo. Nem a Segunda Guerra foi tão abrangente.

Na semana passada, o dono de um bar na Itália fechou as portas do seu estabelecimento que haviam se mantido abertas inclusive durante a Segunda Guerra. “Na guerra, víamos os alemães chegando, agora o vírus é invisível”, ele declarou. Diante desse monumental Cisne Negro, o que fazer?

Aqui na Artplan, seguimos a nossa cartilha de reação em tempo real, que temos exercitado em alguns momentos especiais de marca, para que tivéssemos uma visão, ainda que parcial do contexto. Em primeiro lugar, criamos um comitê de crise que tinha como principal foco as pessoas e como agir rapidamente para que elas estivessem seguras.

Paralelamente, analisamos notícias, estudos, principais indicadores socioeconômicos. Além disso, demos um profundo mergulho nas redes, entendendo o cenário, tendências, impactos já previstos para as marcas e mais diretamente para as pessoas. A análise nos permitiu delinear 4 fases pelas quais teremos que passar e irão modelando nosso comportamento: negação + desinformação; apavoramento; informação + reclusão; superação. Dos principais impactos, o mais evidente é a sensação de fragilidade física e emocional.

De posse desses dados, exercitamos primeiro dentro de casa, organizando operação, deixando de lado processos, focando mais nas entregas sem esquecer de todos os times envolvidos nesse dia a dia. Com uma agilidade extraordinária, que exigiu do comitê uma operação logística extremamente complexa, passamos a operar 100% em home office em poucos dias. O necessário para montar a estrutura de equipamentos.

Para os clientes, desde o primeiro momento, monitoramento em tempo real para reduzir a incerteza. Nosso DNA de parceiros de negócios dos nossos clientes disparou alarmes em todas as contas para começarmos um processo que ao mesmo tempo ajuda a gerenciar os desafios de uma crise e pensa em formas de recuperação no médio prazo.

Para entregar esse pensamento, ativamos a velocidade de propostas em sprints de 6h para combater a volatilidade. Procedimento que de certa forma já acontecia nos “squads”. Mas, sempre buscando associar as propostas com a verdade das marcas, sem oportunismo, na melhor essência de marcas cidadãs, comprometidas, mais ainda neste momento, em deixar um legado e contribuição social de fato.

Essa iniciativa, aliás, gerou a criação de uma unidade especial que chamamos de R.T.R. (Real Time React) que junta nossas experiências em cobertura de conteúdo e laboratório de dados em tempo real com nossa experiência em gerenciamento de crise para grandes marcas. Para nos adaptarmos à complexidade, exercitamos ao máximo abordagens de fácil e rápida implantação como o cenário pede. Algumas delas começam a ser executadas e outras estão já em produção.

Ponto de destaque: a velocidade também na decisão dos clientes e a integração total via online. Vivemos o hoje, agora. É um novo jeito de pensar, mas acima de tudo é um novo modus vivendi que muda relações, transforma processos e vivências.

O futuro chegou. De um jeito que não queríamos, menos ainda esperávamos, mas chegou. Vamos vivê-lo.

*Crédito da foto no topo: Champc/ iStock

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Artplan

  • futuro

  • Crise

  • dados

  • processos

  • Transformação

  • LOGÍSTICA

  • Trabalho remoto

  • vuca

  • pandemia

  • comitê de crise

  • realções

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”