Como a pandemia e a tecnologia estão mudando o OOH

Buscar

Opinião

Publicidade

Como a pandemia e a tecnologia estão mudando o OOH

Usar o meio para estreitar o relacionamento com a audiência será sempre uma tendência


2 de julho de 2020 - 18h34

(Crédito: ilyakalinin/istock)

O restante do ano de 2020 parece desafiador. Não é novidade para ninguém que a Covid-19 provocou impacto imediato nos investimentos com publicidade, impulsionado pelas necessárias medidas de confinamento e incertezas sobre o futuro. Todo esse processo alavancou o surgimento de novos hábitos na sociedade, ditando um novo futuro para todo o mercado de comunicação. Nem tudo será o mesmo. E isso não é ruim.

A mídia out-of-home foi uma das que mais sofreu nessa recessão. Por outro lado, será uma das primeiras a voltar a crescer. Fomos obrigados a repensar nosso modelo de negócio em curto espaço de tempo. Mesmo no meio do caos, foi possível criar e transformar o modo como o segmento é percebido, visto e comprado – o setor de OOH sabe lidar muito bem com mudanças e reinvenções. O cenário ainda é incerto, mas posso afirmar, sem medo de errar, que o futuro será conectado e integrado.

Muito se fala na chegada do 5G, internet das coisas (IoT), sensores e outras conexões, que transformarão todo o mercado no futuro próximo. Mas esse “novo normal” da mídia já chegou e trouxe um cenário muito promissor. Tivemos um crescimento exponencial de dados gerados e a melhor parte está nas possibilidades de extrair insights disso tudo.

A partir da utilização de dados de parceiros, como análise do comportamento de navegação on-line e registro de compras de determinados targets, podemos promover campanhas no DOOH cada vez mais direcionada e contextual, sem prejudicar a privacidade dos usuários. A junção da mídia exterior e do mobile amplifica efetivamente as mensagens das marcas, criando nível cada vez mais profundo de envolvimento com os consumidores.

As possibilidades são muitas e a utilização de telas conectadas à internet tem proporcionado o desenvolvimento de campanhas na mídia DOOH, que se auto otimizam com base em como as pessoas reagem. Desta forma, é possível alterar as peças publicitárias em tempo real, com base em condições externas, incluindo dados de CRM, previsão do tempo, resultados esportivos, tráfego de pessoas, entre outros.

Nosso mundo mudou rapidamente e o ritmo das transformações no futuro continuará incontestavelmente acelerado. A atuação do OOH nas ruas assumiu um papel estratégico durante a quarentena: transformamos nossos ativos em canais de informações relevantes, auxiliando as organizações a direcionarem mensagens para públicos estratégicos e em tempo real.

Com o afrouxamento do isolamento social e a volta às ruas, o OOH consolidará, definitivamente, seu papel vital nas cidades. A função das nossas mídias não se restringe em promover produtos e serviços, incentivamos uma nova comunicação entre marcas e consumidores, aumentando relevância, assertividade e fluidez em campanhas ainda mais integradas.

O uso de tecnologia na mídia OOH se torna essencial para otimizar resultados em um momento em que os investimentos devem ser cada vez mais pautados em ROI. Campanhas multiplataformas podem proporcionar incríveis experiências interativas, criando conexões emocionais na audiência.

Tudo depende de como isso será feito. Os meios estão mais aptos a integrar dados de diferentes fontes, conectando pessoas, processos e serviços para uma abordagem mais pessoal, contextual e relevante. Temos um mundo de possibilidades para se comunicar e interagir de maneiras personalizadas. De certa forma, esses recursos sempre estiveram disponíveis, mas agora é que veremos isso acontecer com mais frequência.

A audiência mais do que nunca está em busca de informações e a mídia out-of-home está cada vez mais inteligente. Usar o meio para estreitar o relacionamento com a audiência será sempre uma grande tendência.

**Crédito da imagem no topo: piranka/iStock

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Audiência

  • tecnologia

  • comunicacao

  • midia

  • crm

  • Publicidade

  • relacionamento

  • dados

  • iot

  • roi

  • ooh

  • 5g

  • coronavírus

  • covid-19

  • pandemia