Coronavírus: MipTV entra na lista dos eventos cancelados

Buscar

Mídia

Publicidade

Coronavírus: MipTV entra na lista dos eventos cancelados

Principal evento internacional de televisão e conteúdo, encontro aconteceria em Cannes entre os dias 30 de março e 2 de abril


5 de março de 2020 - 11h17

Evento seria realizado em Cannes (Crédito: Reproduçao/Facebook.com/MipMarkets)

Principal evento internacional do mercado televisivo e de conteúdo, o MipTV também teve a sua edição de 2020 cancelada por conta do receio à disseminação do coronavírus.

O evento estava marcado para acontecer de 30 de março a 2 de abril na cidade de Cannes, no Sul de França. Nessa quarta-feira, 4, a organização divulgou um comunicado informando que, por conta da preocupação dos participantes em torno do coronavírus, tomou a decisão de cancelar a edição.

“No contexto atual, muitos de nossos clientes expressaram preocupação em viajar neste momento. Reagendar o MipTV para os próximos meses não é algo factível, então, a decisão mais apropriada é cancelar a edição de 2020 do MipTV”, declarou Paul Zilk, chief executive da Reed Midem, empresa organizadora do evento de conteúdo. No comunicado, o executivo acrescentou que o bem-estar dos clientes, parceiros e da equipe do evento é prioridade. “Somos gratos aos clientes por seu apoio e contribuição construtiva durante esse período desafiador. Esperamos das as boas-vindas a todos no MipCom, de 12 a 15 de outubro deste ano”, declarou.

O MipCom, outro evento da companhia voltado ao conteúdo multimídia – e que também acontece em Cannes – também abrigará o Canneseries (Cannes International Series Festival), evento que estava programado para acontecer junto com o MipTV, e que foi reagendado também por conta do coronavírus.

O MipTV entra para a lista dos eventos cancelados pela ameaça global do coronavírus. Em fevereiro, após desistências sucessivas de empresas expositoras e participantes, a GSMA cancelou a edição de 2020 do Mobile World Congress, o maior evento de tecnologia móvel da Europa, que aconteceria de 24 a 27 de fevereiro, em Barcelona. Posteriormente, o Facebook também decidiu não realizar a F8, sua conferência anual de desenvolvedores, marcada para o início de maio. A empresa realizará as palestras e debates por videoconferências.

Nessa segunda-feira, 2, os organizadores do festival global de criatividade Dubai Lynx anunciaram o adiamento da premiação por conta do Covid-19. O evento é realizado por meio de uma parceria entre a Ascential (também detentora do Cannes Lions) e o Motivar Media Group (dono do Campaign Middle East). Em condições normais, o festival aconteceria entre 8 e 11 de março.

Até mesmo os upfronts, tradicionais eventos em que emissoras de TV apresentam sua programação, nos Estados Unidos, começam a sofrer os efeitos do vírus. A Fox News foi a primeira emissora jornalística a cancelar sua apresentação, inicialmente marcada para o próximo dia 24.

Ainda mantido pela organização, o South by Southwest, um dos principais eventos de inovação do mundo, que acontece de 13 a 22 de março na cidade de Austin, no Texas, também terá algumas baixas por conta do Covid-19. Empresas como Facebook, Twitter, Intel e Vevo anunciaram que não participarão do festival por conta da insegurança trazida pela endemia.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • facebook

  • Twitter

  • Vevo

  • Intel

  • GSMA

  • reed midem

  • Festival

  • Conteúdo

  • Negócios

  • eventos

  • sxsw

  • TV

  • Dubai

  • cancelamento

  • MWC

  • MIpTV

  • F8

  • coronavírus

  • epidemia

  • covid-19

  • mipcom

  • endemia

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”