Cannes Lions posiciona Brasil entre os três países mais criativos

Buscar

Comunicação

Publicidade

Cannes Lions posiciona Brasil entre os três países mais criativos

País fica em terceiro lugar como nação mais criativa, aponta Lions Creativity Report; Africa encabeça ranking da América Latina


17 de setembro de 2021 - 14h16

Nota atualizada em 20/09, às 15h06

Última edição presencial do Cannes Lions, em 2019 (Crédito: Celina Figueiras)

O Lions Creativity Report, divulgado nesta sexta-feira, 17, posicionou o Brasil como o terceiro mais criativo do mundo, atrás de EUA e Reino Unido. O parâmetro para a classificação são os números de Leões conquistados e menções em shortlists nos Festivais de Criatividade de Cannes em 2020 e 2021.

A Africa encabeça o ranking das agências latino-americanas mais premiadas. Entre os Leões conquistados pela agência está o Grand Prix na categoria Entertainment Lions for Sport com o case “Save Salla”. Em segundo lugar está a VMLY&R, que conquistou um Grand Prix de Glass — o primeiro GP conquistado na categoria por uma agência brasileira — com o trabalho “Eu Sou”, para Starbucks. A AKQA São Paulo aparece na terceira posição e a Suno United Creators aparece, pela primeira vez, entre as dez melhores agências brasileiras, em nono lugar.

Já a dupla de brasileiros Jean Zamprogno e Fernando Pellizzaro, da David Miami, estão em primeiro lugar no ranking de diretores de criação. A Gut São Paulo, agência fundada por Anselmo Ramos e Gastón Bigio, e que aqui é comandada por Valéria Barone e Bruno Brux, foi a única agência brasileira destacada pela publicação, em quinto lugar na lista das agências independentes mais criativas. Em primeiro lugar está a W+K Portland, seguida pela Bloc, de Nova York, Rethink, de Toronto e We Believers, de Nova York.

Os rankings foram revelados durante o Lions Decoded, transmissão online realizada nesta semana e que reuniu profissionais da indústria para esmiuçar 11 ideias premiadas nas últimas duas edições do evento. Confira:

Países mais criativos:

1. EUA
2. Reino Unido
3. Brasil

Cidades mais criativas:

1. Nova York
2. Londres
3. São Paulo

Profissionais mais criativos

Diretores:

1. Nisha Ganatra, da Chelsea Pictures, Nova York
2. Markus Ahlm, da Colony, Estocolmo
3. Similar But Different (Charlotte Fassler e Dani Girdwood), da Smuggler, Londres

Diretores de criação:

1. Jean Zamprogno e Fernando Pellizzaro, David Miami
2. Niels Sienaert e Tim Schoenmaeckers, FCB Chicago
3. Jim Hilson e Toby Allen, AMV BBDO, Londres

Diretores de arte:

1. Felipe Antonioli, David Madri
2. Andy Tamayo, DAVID Miami
3. Dwight Williams e Mateus Cerqueira, FCB Chicago

Redatores:

1. Luis Giraldo, David Madri
2. Alexander Allen, David Miami
3. Jared Schermer, David Miami

Redes

Ásia Pacífico:

1. Dentsu
2. Ogilvy
3. DDB Worldwide

EMEA:

1. Publicis Worldwide
2. BBDO Worldwide
3. Ogilvy

América Latina:

1. DDB Worldwide
2. AKQA
3. Ogilvy

América do Norte:

1. FCB
2. Ogilvy
3. McCann Worldgroup

*Crédito da imagem no topo: Divulgação

Publicidade

Compartilhe